10 destinos que me surpreenderam, de tão baratos que são!

Relacionei alguns dos lugares mais paradisíacos que podem render viagens bem baratas para você planejar as suas próximas férias.

Acordei com vontade de dar uma volta ao mundo hoje. Umas, pra ser mais sincero! Como não tenho um ticket agendado e por outro lado tenho tanto serviço no meu escritório a ser concretizado, acabo conseguindo dar uma volta ao mundo apenas por selecionar fotos para um novo post :) Hoje venho até aqui para compartilhar com vocês uma relação de países e destinos por onde tenho passado nos últimos anos e que definitivamente me surpreenderam com relação à taxa de custo X benefício.

São países em praticamente todos os continentes do mundo que são considerados destinos de férias internacionais de alto nível, mas que são obviamente muito interessantes para viajantes que desejam explorar lugares novos sem ter que quebrar o banco e os cartões de crédito para isso. É claro que qualquer viagem pode ser feita com custos reduzidos, ou então com gastos avantajados, isso depende de cada viajante e de quais experiências está a procura. Um destino incrível pode ter hotéis "all-inclusive" com preços exorbitantes, acima dos U$ 1.000,00 a diária, mas que também vai sempre ter uma casa de família que lhe pode receber cobrando U$ 10,00 pela noite de sono. Aqui relato destinos que podem ser feitos com até R$ 150,00 por dia, incluindo hospedagem, alimentação e passeios por conta própria. Vale ressaltar que cada viajante é livre para construir sua própria experiência, que estará diretamente proporcional aos custos que terão que ser arcados, aqui relaciono destinos que SIM, são baratos e que podem ser feitos da maneira mais simples possível, basta ter esse foco, você vai se surpreender com alguns deles. Bora lá, conhecer os 10 destinos que eu já visitei e que podem ser feitos de maneira muito econômica?!

10 - Ilha de Providência (próxima a San Andrés)

Vista de SouthWest Bay em Old Providence - Colômbia
Vista de SouthWest Bay em Old Providence - Colômbia

O primeiro lugar que recomendo está cravado no meio do Caribe porém faz parte da América do Sul. Estamos falando da pequenina Ilha de Providência, irmã caçula de San Andrés, territórios insulares colombianos que atualmente são considerados destinos de alto nível com custos realmente irrisórios. Você pode por exemplo ficar hospedado em um hostel (assim como eu já fiquei no Blue Almond Hostel) e pagar entre R$ 30,00 e R$ 50,00 por dia. Alugue uma moto e conheça a ilha por completo pagando entre R$ 30,00 e R$ 60,00 na diária já com tanque de combustível cheio. Conheça a praia de Southwest Bay, vá para o oceano e mergulhe com cilindro junto com a equipe de Felipe Cabezza e contemple o extermínio dos peixes leões (espécie endêmica na região), que são dados de comer aos tubarões na sua frente! Você ainda pode fazer uma caminhada até o topo da ilha, comer frutos do mar no Divino Niño ou quem sabe até sair para uma baladinha na praia no fim do dia.

9 - Koh Mook, Koh Lipe e Koh Phi Phi

Barcos ancorados em Koh Lipe - Tailândia
Beleza dos "long tail boats" em Koh Lipe - Tailândia

Algumas das paisagens mais paradisíacas do mundo estão definitivamente na Tailândia. É nesse país que estão algumas das ilhas mais impressionantes do mundo, tal como Koh Lipe, Koh Tao, Koh Mook ou a mais famosa ilha tailandesa: Koh Phi Phi. Você pode se surpreender com o preço das passagens aéreas para chegar até lugares assim, porém vai ficar mais surpreso ainda quando eu te disser que pode alugar um bungaloo na beira da praia por uns R$ 50,00 a diária pro casal, ou ainda que pode fazer um pedido de camarões ao tempura por R$ 10,00, acompanhado é claro por uma tradicional cerveja Shang que não sairá por mais do que R$ 6,00 (e se já foi e tiver pago mais caro então estava comprando no lugar errado hein...). Eu não vou mencionar nada sobre o sabor dos pratos típicos, afinal de contas a Tailândia possui também a fama de um inesgotável manancial gastronômico para viajantes de qualquer nacionalidade. Você pode comer pratos incríveis pagando entre R$ 4 e 10. Vale a pena ficar de olho nas passagens aéreas para Bangkok né?!

8 - Las Vegas

Um dos destinos mais baratos nos Estados Unidos é Las Vegas
Um dos destinos mais baratos nos Estados Unidos é Las Vegas

Você pode até pensar que Las Vegas é a terra dos cassinos e hotelaria de altíssimo nível, o que realmente é verdade. Porém também é uma das cidades mais baratas dos Estados Unidos não somente para viajar, mas também para se viver. Eu já fiquei hospedado em casas familiares em Las Vegas (via airbnb) pagando irrisórios U$ 15,00 (R$ 50,00) por minhas diárias. Aluguei carros por irrisórios U$ 20,00 (R$ 65,00) e fiz refeições fartas em alguns dos melhores restaurantes japoneses que já visitei pagando U$ 25,00 (R$ 80,00) por buffets onde eu poderia comer o quanto conseguísse. As tributações reduzidas e incentivos fiscais deste estado norte-americano permitem que os preços praticados no mercado de turismo sejam realmente abaixo dos valores das principais metrópoles dos Estados Unidos. É possível ficar uma semana em Las Vegas e pagar mais barato (mesmo em tempos de dólar a R$ 3,00) do que nas principais capitais brasileiras.

7 - Mérida

Cenote próximo a Mérida
Cenote próximo a Mérida, na Península de Yucatán - México

Uma pérola do turismo mexicano muito pouco divulgada aqui no Brasil. Eu visitei a capital do estado de Yucatán no final do ano passado e posso afirmar com toda certeza de que esta é uma das cidades mais baratas do mundo! Comida incrivelmente farta e deliciosa, hotéis agradáveis e muito econômicos, construções seculares que enchem os olhos e natureza selvagem intocada. Você pode adicionar a tudo isso a possibilidade de conhecer inúmeros cenotes, que são cavernas com piscinas naturais de água muito transparente. Eu fiz passeios de dia inteiro conhecendo vários cenotes gastando no máximo R$ 20,00. Fiquei em hotéis com quarto privado pagando R$ 30,00 por diária, fiz refeições em barraquinhas nas ruas pagando entre R$ 5 e R$ 10 e consegui conhecer o melhor da região sem gastar mais do que eu costumo gastar normalmente durante as minhas semanas de trabalho na minha própria cidade.

6 - Havana

Encontro de ruas em Havana Vieja
Encontro de ruas em Havana Vieja

A capital cubana pode ser uma bela "pegadinha" para quem não fala espanhol ou não consegue se entregar aos costumes locais. Cheguei a encontrar hotéis muito bem localizados nas principais avenidas de Havana onde cobrava-se a bagatela de U$ 9,00 pela diária (mas o normal era pagar U$ 30,00 em casas de família). Eu me esbaldei com comida cubana tradicional nas cafeterias de Habana Vieja pagando entre U$ 2 e 5 (com direito a bebida), caminhei pelas principais avenidas fazendo amizades, tomando cafezinhos por 1 peso cubano (centavos de real) e experimentando típicos charutos cubanos por U$ 1. O problema aqui é ser turista. Quando detectam que você é estrangeiro, gostam de cobrar um preço diferente só pela sua nacionalidade. O segredo de uma viagem bem executada em Cuba é ser o mais amigável possível, conversar com os locais e comprar pelo preço que está anunciado nas placas. Comer em cafeterias e evitar os "paladares" (restaurantes descolados feitos para turistas) pode ser a solução para maximizar o valor do seu dinheiro cubano. Não se esqueça de experimentar o rum cubano que vem embalado em um saquinho de plástico (mas vá com calma pois é coisa puramente cubana, um trago fuerte muchacho!) Conheça todas as minhas dicas para viver Cuba como um local visitando o seguinte post:Viagem para Cuba: dicas preciosas para que sua viagem seja um sucesso!

5 - Siem Reap e Sihanoukville

Praia no Camboja em Sihanoukville
Praia no Camboja em Sihanoukville

Você é o tipo de viajante que curte explorar cidades antigas que se transformaram em patrimônio da humanidade?! Tem sede de chopp a 0.5 centavos de dólar? Gosta de conhecer gente nova e descolada (e não tem problema com relação à alta concentração de turistas chineses e indianos?!) Então você tem que conhecer Siem Reap, uma das principais cidades do Camboja, localizada em uma região estratégica para quem está indo conhecer Bangkok (apenas 6 horas de distância em uma viagem de carro). Aqui o que não falta é coisa barata para consumir: aqui estão as massagens mais baratas, hospedagem a custo irrisório, refeições completas por poucos dólares e atrações memoráveis. Vale a pena conhecer hein!

4 - Bora Bora

Vista aérea de Bora Bora
Vista aérea de Bora Bora

Você vai achar que é pegadinha esse post! Mas acredite em mim, não é! Tudo listado aqui é realmente acessível ao bolso de qualquer brasileiro. Eu tinha um certo receio quando comprei meu ticket para conhecer a Polinésia Francesa, afinal de contas, ali em Bora Bora estão aquelas espetaculares palafitas sob as águas que custam milhares de dólares em diárias, pensava que não seria capaz de fazer do modo dos locais. Dediquei-me ao máximo para conseguir encontrar as pensões particulares e acabei encontrando um lugar onde paguei pouco menos de R$ 100,00 na diária. Eu ainda poderia ter pago menos se quisesse ter ficado acampado em alguns dos "motus", porém optei por ter um teto, um banheiro e uma cama bem confortável, foi excelente pois choveu demais. Já escrevi um post bem completo com algumas das minhas dicas de como fazer uma viagem pela Polinésia sem quebrar o banco e arrebentar com o limite do cartão de crédito, garanto que você vai começar a pensar em dar um pulo por lá depois de ler: como viajar com menos de R$ 100,00 pelas ilhas da Polinésia.

3 - Anguilla

Algumas das praias mais lindas do Caribe estão em Anguilla
Algumas das praias mais lindas do Caribe estão em Anguilla

Fiquei maravilhado quando cheguei em Anguilla e vi que aquele lugar parecia uma colônia de férias de alto nível a preços extremamente irrisórios. Algumas das praias mais lindas do Caribe estão nessa ilha e confesso que me senti várias vezes praticamente sozinho enquanto me deslocava de um ponto ao outro da ilha. É possível ficar hospedado em pensões familiares, locar hospedagem em casas de famílias pelo airbnb ou ainda conseguir uma barganha em um resort de alto nível. Consegui alugar um carro ao chegar na ilha pagando menos de 60 reais por dia, a gasolina era quase de graça. Dei um pulo em um supermercado e vi que bebidas alcoólicas e alguns alimentos que podem virar lanche de praia também estavam com preços bem atrativos. Ainda comi um dos melhores churrascos do Caribe pagando preços tão econômicos quanto pago nos lugares que gosto de visitar na minha cidade.

2 - San Juan Del Sur

Praia na Nicaragua em San Juan del Sur
Praia na Nicarágua em San Juan del Sur

E por falar em Américas, não poderia nunca deixar de mencionar uma cidade da América Central, ali estão algumas das cidades mais amigáveis e econômicas que podemos encontrar enquanto realizamos um mochilão neste continente. Os preços das hospedagens são tão atrativos que você poderia facilmente morar um mês por lá pagando em média R$ 20 a R$ 50 por suas diárias. Eu amo a comida nicaraguense, comi muito "golo pinto" (parecido com o baião de dois) pelas ruas de San Juan pagando entre 1 e 3 dólares pela porção. Destino bom para quem gosta de praia também, tem atrativos bem interessantes na vida noturna e acredito que é uma das melhores cidades (e mais baratas também) para se conhecer quando estiver passando pela Nicarágua.

1 - Zanzibar

Águas de cores convidativas ao mergulho em Zanzibar / Tanzânia
Águas de cores convidativas ao mergulho em Zanzibar / Tanzânia

E como poderia enumerar alguns dos destinos mais baratos que já conheci na vida sem colocar ninguém da África! Existem vários, estou apenas listando um dos que mais gostei, mas poderiam ser vários outros, tal como Vic Falls, Cape Maclear, o próprio Egito e a cidade do Cairo, mas pera aí, nenhum desses aí tem o Mar de Zanzibar! E nem a pizza! E tô falando sério! Zanzi ficou gravada para sempre na minha memória como sinônimo de destino amigável e paradisíaco. Conheci vários lugares com a ajuda de um veículo alugado que não saiu por mais do que U$ 20,00 a diária. Fiz mergulhos com cilindro pagando preços bem mais baratos até mesmo do que os valores praticados aqui no Brasil. Valeu a pena ter investido alguns dias da minha última viagem até a África conhecendo esta ilha que fica próxima a Dar Es Salaam na Tanzânia (outro destino irrisoriamente econômico).

Bônus - Palau

German's Channel no Palau, um dos lugares mais lindos do mundo
German's Channel no Palau, um dos lugares mais lindos do mundo

Essa surpresa você não esperava né?! Ver Bora Bora e Palau em uma lista de destinos econômicos pode parecer uma grande contradição, mas na realidade eu sou a prova viva de quem já viajou até esses lugares pessoalmente e conseguiu constatar que é possível viver uma vida normal sem muitas regalias desfrutando ao mesmo tempo dos atrativos que cada destino oferece pagando preços justos e realmente econômicos. Fiquei hospedado em uma guesthouse em um quarto que tinha 2 beliches mas que apenas eu estava hospedado e paguei pouco menos de 100R$ por minhas diárias. Eu cozinhava sempre, fazia compras nos mercadinhos e supermercados da ilha e acabava economizando absurdamente. O táxi era muito barato e quase não precisei utilizar. Também gostei do preço das comidas de rua, quase sempre deliciosas e bem acessíveis. Os mergulhos possuem um custo bem acessível se pensarmos que este é um dos melhores destinos de mergulho no mundo! Acredite, conhecer lugares exóticos é possível, basta ter foco, planejamento e uma dose de boa sorte :)

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias