Um voo perdido, planos mudados, ciao Italia, olá Egito!

Compartilho a continuação dos meus dias pela Itália. Depois de conhecer o Vaticano e ter excelentes primeiras impressões sobre a Europa, eis que parto em uma viagem inusitada rumo à cidade do Cairo, a caótica capital do Egito.

Viajei no último mês de março rumo a novos destinos na África. A viagem que no início era de 1 mês apenas para a Europa foi complementada por um voo com múltiplos destinos da Egyptair. A idéia era ampliar a experiência que já havia sido obtida alguns anos atrás, quando visitei a África do Sul por um dia. Era preciso viver a verdadeira África, então decidímos que deixaríamos a Europa de lado (temporariamente) pois só voltaria a sentir os prazeres de caminhar pelas ruas frias de Roma no meu retorno, um mês depois, no fim da viagem.

Antes mesmo de partir do Brasil meu voo já estava agendado, comprado via E-dreams. E foi barato. Tipo uns U$ 650,00 para sair de Roma e voar até o Zimbabwe e retornar para Roma desde Nairobi, a capital do Kênia. Era isso até conseguirmos perder o voo de ida que partia do Aeroporto Fiumicino. Por falta de planejamento acabamos conseguindo chegar muito atrasados. Houve também um atraso gigantesco no ônibus que fazia o transfer entre o Terminal de Metro de Roma e o aeroporto e quando chegamos o checkin já estava fechado. A alternativa?! Recorrer ao guichê de atendimento da Egyptair, que nos cobrou 100 EUROS para remarcar a passagem pro dia seguinte. Contrariados, perguntamos quanto nos custaria um stop-over a mais na cidade do Cairo, destino que até então estava fora dos nossos planos. O funcionário da cia aérea disse que ficaria 30 euros mais caro. Então por 130 euros estávamos aptos a viajar no próximo dia, com um país a mais na lista, porém sem os euros em nossos bolsos. Como ficariamos apenas 2 dias completos em Roma (um na ida e outro na volta) acabei optando por viajar com poucos euros e com mais recursos em dólares. E já que estava tudo perdido, fizemos a reserva do mesmo hostel pela internet ainda no aeroporto e voltamos para a Via Manzoni usando o mesmo ônibus que havia nos deixado na mão.

Aproveitando o voo perdido para comer uma bela pizza italiana
Aproveitando o voo perdido para comer uma bela pizza italiana

O voo para o Cairo partiria na hora do almoço do dia seguinte. Levantamos bem cedo e rompemos de novo para a frente do Termini, pegamos o ônibus e enfim chegamos no aeroporto com tempo de sobra. Fizemos o checkin despachando as bagagens grandes e ficando apenas com o que seria necessário na stop-over no Cairo. Uma vez embarcados foi só relaxar e começar a perceber os detalhes/diferenças na cultura do destino em questão, essa era a minha primeira vez nas arábias.

Voando com a Egyptair para uma stop-over inesperada no Cairo
Voando com a Egyptair para uma stop-over inesperada no Cairo

O serviço da Egyptair foi impecável. O avião não era novíssimo, porém muito bem cuidado. A cidade do Cairo é um dos principais hubs conectando Oriente Médio, Europa e África, nada mais justo do que dar a esse destino uma atenção nessa jornada! Depois de 3 horas e alguns minutos, o avião fez um pouso bem tranquilo naquela gigantesca metrópole de tons pastéis. Quando desembarquei fui direto para a área de imigração onde descobri que teria que comprar um visto por 35U$. Feito isso, já contaminado pelo odor forte de cigarro presente nos corredores do aeroporto (lá tem sala para fumantes que permanece lotada quase sempre!). Despachos realizados, oficialmente de fora do aeroporto aí foi hora de tentar encontrar uma forma para chegar no centro da cidade. Havíamos agendado um hostel pela internet ainda no aeroporto no coração da cidade, na Ramsés Street, uma das ruas mais caóticas do Cairo.

Serviços de bordo da Egyptair e o avião se aproximando do Egito
Serviços de bordo da Egyptair e o avião se aproximando do Egito

Quer saber como foi essa stop over maluca na Caotic Cairo?, basta ficar de olho nas nossas próximas atualizações ;)

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias