A bela rodovia que leva até o Haleakala National Park

Para otimizar meu tempo e conhecer o máximo possível da ilha de Maui, acabei de chegar da Rodovia para Hana e sem muito planejamento seguimos em direção até o topo do vulcão Haleakala.

ALOHA! Não foi preciso muito planejamento para realizar uma façanha em Maui - subir o Haleakala, mas faltou inteligência quando subimos com o combustível contadíssimo no tanque. A idéia era não ter idéia! Havíamos acabado de chegar de duas horas dirigindo pelas curvas da Rodovia para Hana quando avistei uma placa que indicava o caminho para subir o vulcão. Bom, eu não tinha planos, não tinha horários, não tinha casa, hotel ou qualquer hospedagem para a qual deveria voltar, então pensei: "Porquê não?!", e lá me fui a dirigir por uma nova rodovia cênica na Ilha de Maui, até o topo do Haleaka (isso se a gasolina me permitisse!)

Essa experiência foi realizada sem qualquer planejamento prévio por dois motivos: o primeiro era o carro - por estar em uma van o locatário frisou que não poderíamos subir o vulcão com esse tipo de condução (a rodovia é perigosa por conta das várias curvas) e o segundo motivo era o tal do timing - a cereja deste bolo deve ser apreciada muito cedo pela manhã - o espetáculo acontece no nascer do sol, e esse tempo, nesse dia específico já havia se perdido. Este é o grande problema em se visitar lugares tão incríveis quanto é Maui com pouquíssimo tempo - você sempre vai ter que sacrificar algumas das recomendações que são destaque.

A estrada se transformou de uma forma inexplicável. O que antes era uma mata fechada, densa e úmida deu lugar a amplos campos retos, tomados por plantações, na planície intermediária algumas milhas antes de iniciar a subida ao topo do vulcão.

Subindo rumo ao Parque Nacional do Haleakala - Maui - Hawaii
Subindo rumo ao Parque Nacional do Haleakala - Maui - Hawaii

As paisagens se transformavam a cada milha que era vencida. Parecia que deixávamos um país e adentrávamos outro! O que antes era um céu cinza com pancadas constantes de chuva se transformou em um dos céus mais limpos que pude contemplar nessa oportunidade na ilha de Maui. As curvas ainda permaneceram por todo trajeto até o topo, e a cada mirante que parávamos era possível contemplar o desenho das curvas da costa desta ilha havaiana. Até o topo do vulcão contam-se mais de 3.000 metros de altura e há aqueles aventureiros que preferem fazer o trajeto inverso com um pouco mais de adrenalina, fazendo downhill em bikes parecidas com as antigas BMX.

Esporte sensação nas estradas que ligam Maui ao Haleakala é o downhill
Esporte sensação nas estradas que ligam Maui ao Haleakala é o downhill

Para quem está hospedado em alguns dos principais albergues da ilha, existem formas de se contratar tours guiados até o topo do Haleakala (Hostel Banana Bungalow e North Shore Hostel possuem esse serviço como adicionais). Mas a melhor alternativa é justamente possuir um carro alugado para te dar a liberdade de parar a qualquer momento para fazer fotos incríveis e apreciar a beleza do caminho que leva até a entrada do parque. Como nosso objetivo era apenas conhecer os arredores e matar um tempo até a próxima experiência, foi bastante proveitoso tomar um tempo para sentir a brisa fria da altitude e as vistas panorâmicas proporcionadas para aqueles que se aventuram nas curvas vulcão acima do Parque Nacional do Haleakala, em Maui no Havaí.

Paisagens na estrada para o topo do Haleakala em Maui
Paisagens na estrada para o topo do Haleakala em Maui

Ainda fiz questão de tentar reservar um prazo para retornar pela madrugada até o topo do vulcão e apreciar o nascer do sol, mas infelizmente nosso tempo não nos permitiu adquirir essa experiência, mas ao menos não fiquei sem combustível no veículo, desde que pra baixo acaba que todo santo ajuda, não é mesmo?! A seguir vocês podem conferir um pouco mais sobre essa aventura admirando as fotos dessa matéria em maior resolução! MAHALO!

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias