Ilhas baratas nas Maldivas: como foi a minha experiÍncia no atol Alif Dhaal

Venha conhecer algumas das ilhas baratas nas Maldivas que visitei recentemente, passei 9 dias explorando as ilhas remotas do atol Alif Dhaal!

Fala gente! Como vocês estão hoje?! Espero que estejam super em paz! Hoje estou passando pra compartilhar com vocês algumas informações, dicas e um pouco da minha experiência sobre ilhas baratas nas Maldivas. Acontece que eu acabo de aterrizar de uma viagem que durou cerca de 40 dias, nos quais destes 40, 9 foram pingando de ilha em ilha pelos atóis paradisíacos das ilhas Maldivas. Hoje quero falar um pouquinho de cada uma dessas ilhas e te vou te mostrar que é super possível fazer uma viagem dentro do orçamento para um dos lugares mais paradisíacos do planeta.

Nós não fizemos planejamento algum pra ir nessa viagem. Pra falar a verdade a gente estava reservando hotéis com horas antes da gente ir pra ilha em que ficaríamos por um ou dois dias, a propósito sequer sabíamos os nomes dos lugares que estaríamos prestes a conhecer, foi tudo muito no improviso, só que nossa intuição viajante não nos deixou de lado e conseguiu nos conduzir a lugares que de fato estão fora dos principais roteiros turísticos nesse universo paralelo chamado MALDIVAS

Conhecendo ilhas baratas nas Maldivas

Não sei se você já ouviu falar da expressão ilha local, foi algo que escutamos bastante nas Maldivas nessa viagem. São ilhas que estão em processo de desenvolvimento turístico e muito recentemente foram abertas para a visitação. Não é muito fácil chegar até elas, contudo existem métodos de deslocamento super eficientes nas Maldivas que conseguem te colocar em qualquer pedaço de paraíso boiando no meio do Índico.

Visitando ilhas baratas nas Maldivas
Visitando ilhas baratas nas Maldivas

Visitamos várias ilhas, contudo 4 delas foram muito econômicas e de fato merecem a sua visita, caso opte por conhecer as Maldivas pagando barato. Nós saímos de Malé, a ilha principal onde chegam os voos internacionais em um barco lento (média de 3,5 dólares por pessoa) que leva mais gente local mesmo. A viagem durou cerca de 4 horas e 30 minutos. O lugar onde fomos parar?! O nome é Mahibadhoo, meio que impronunciável num primeiro momento, contudo essa pequena ilhota é considerada a capital do magnífico Dhaal Atoll (também chamado de Alif Dhaal Atoll ou ainda Southern Ari Atoll). Só neste atol você pode visitar cerca de 49 ilhas! Então imagine a dificuldade que foi pra gente tomar a decisão e escolher 4 dessas pra visitar né!?

Mahibadhoo

No banco de areia, avistando Mahibadhoo ao fundo
No banco de areia, avistando Mahibadhoo, uma das ilhas baratas nas Maldivas, logo ao fundo

Nós começamos pela capital, Mahibadhoo, lugar onde chegam os "ferry boats" lentos que partem de Male. Esses são barcos grandes que comportam vários viajantes e que se deslocam lentamente pelo oceano. Uma vez na ilha principal de um atol, é possível fazer o deslocamento para as outras ilhas também em embarcações parecidas. Ficamos em Mahibadhoo por uma noite, o suficiente para dar uma volta completa na ilha, mergulhar em algumas de suas praias e fazer um passeio até o banco de areia paradisíaco que fica bem próximo do vilarejozinho de Mahibadhoo, lugar onde residem menos de 2 mil habitantes.

Mandhoo

Mandhoo, ilhota local com menos de 300 habitantes
Mandhoo, outra das ilhas baratas nas Maldivas, uma ilhota local com menos de 300 habitantes

De Mahibadhoo nós pegamos outro barquinho lento que navega entre as ilhas do atol Alif Dhaal. Na realidade nosso itinerário foi definido pela disponibilidade desses barcos nos dias que desejávamos seguir adiante para outra região. Você começa a perceber que está em um lugar muito exclusivo quando percebe que é um dos únicos viajantes estrangeiros no lugar. Mandhoo é uma micro ilha das Maldivas com menos de 300 habitantes declarados. Nesse lugar só existem duas alternativas de hospedagem declaradamente aceitando receber turistas, um lugar de fato ainda intocado pelo turismo de massas. Nós chegamos em cima da hora e quase ficamos sem alternativa de hospedagem. No final conseguimos ficar em um lugar muito bom pagando apenas 100 reais na diária.

Dhigurah

Dhigurah, uma das ilhas mais lindas que visitamos nas Maldivas
Dhigurah, uma das ilhas mais lindas que visitamos nas Maldivas

Depois de ver Mandhoo por pouco mais de um dia foi a vez de seguir a viagem até outra ilha paradisíaca, também localizada no atol Alif Dhaal, o nome dela era Dhigurah, de fato uma das ilhas mais lindas que já visitei até hoje. Um pouco maior do que a ilha anterior, Dhigurah possui pouco mais de 500 habitantes, não tem ruas asfaltadas, não tem carros ou veículos de grande porte. Tem alguns mercadinhos, um ou dois restaurantes locais e uns 5 ou 6 hotéis muito bons, por sinal. Ficamos ali umas duas noites, aproveitamos a ilha demais, foi um lugar de fato especial e que um dia, se eu tiver novamente a oportunidade, gostaria de visitar novamente. Para chegar de Mandhoo a Dhigurah foi preciso pegar um lancha rápida (U$ 100,00 pela corrida) que foi bem mais cara do que os barcos lentos que havíamos pego até então.

Dhangethi

Dhangethi, ilha local no Alif Dhaal Atoll
Dhangethi, ilha local no Alif Dhaal Atoll

De Dhigurah pegamos novamente outro barco lento para Dhangethi, outra ilha local bem pequenina, contudo mais populosa do que as anteriores, aqui vivem cerca de 700 habitantes. Nesse lugar já encontramos um pouco mais de estrutura turística, mais alternativas de hospedagem (tão econômicas quanto nas outras ilhas) e também vimos mais restaurantes ao redor. Contudo a ilha era tão pequena que dava pra ver uma ponta estando na outra.

Concluindo...

De todas as ilhas que eu visitei nessa oportunidade, acredito que Mandhoo e Dhigurah são de fato as que mais nos impressionaram, tanto pela quantidade de coisas que tinham pra serem feitas, quanto por conseguirem ainda manter a beleza intocada de uma ilha paradisíaca que ainda está longe de ser totalmente transformada pelo turismo abusivo de massas. Eu ainda prometo que vou fazer um post grande sobre cada uma das ilhas que visitei tá bom, esse foi só o "tira-gosto" :D

Qual ilha você mais gostou? Qual te pareceu mais incrível?! Sabia que eu tenho todas as histórias sobre essa viagem gravadas em vídeo lá no instagram?! Visite o instagram do blog pra poder conferir de pertinho como foi cada um dos lugares que visitamos. Em breve eu deixo mais dicas e informações interessantes sobre esses lugares registradas aqui no blog, tá bom?! Abração e até a próxima!

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias