Museu de História Natural em Nova York: fotos pra ficar de queixo caído

Te convido a contemplar algumas das fotos do Museu de História Natural em Nova York registradas recentemente que vão te deixar de queixo caído.

Fala galera! Como estão nessa segundona pós eleições?! Espero que todo mundo esteja super bem! Hoje venho compartilhar com vocês 10 fotos que eu registrei no Museu de História Natural em Nova York que vão te deixar de queixo caído!

De fato eu já fui a Nova York várias vezes na vida, porém somente na minha última oportunidade que consegui sacar um tempo pra ir conhecer esse lugar. Como é que eu nunca tinha ido ao Museu de História Natural em Nova York antes!? Se transformou em uma das experiências mais interessantes que já realizei em Manhattan desde então.

Museu de História Natural em Nova York

Já fui em vários lugares nessas viagens que fiz até NYC, mas fala sério: onde é que você vai encontrar crânios e fósseis de dinossauros na Big Apple?! É meio que chocante quando você vai descobrindo o museu e conseguindo perceber que existem resquícios verídicos de tempos remotos bem ali na sua frente, é algo surreal!

Hoje eu estava dando uma analisada no meu banco de imagens sobre Nova York para um novo projeto que estamos realizando por aqui e confesso que quando parei na pasta de fotos do Museu de História Natural em Nova York, não consegui seguir adiante, eu tinha que compartilhar algumas fotos que fiz nessa oportunidade por aqui pra você ficar de queixo caído!

Museu de História Natural em Nova York
Museu de História Natural em Nova York

Eu não vou entrar em detalhes sobre o que é, ou onde está, ou em qual categoria se enquadra ok?! Esse é um post pra você contemplar visualmente, afinal de contas a beleza dessas fotos já faz valer mais do que mil palavras que eu possa deixar aqui registrado.

Recentemente inclusive fiz um post que o pessoal parece ter curtido bastante com algumas das minhas dicas para viajar em Nova York sem dinheiro (ou com muito pouco), pode valer a pena dar um pulinho lá pra você curtir essa matéria também.

10 fotos dentro do Museu de História Natural em Nova York que são de cair o queixo!

Outro detalhe que deixo aqui registrado antes de começar com a série de algumas das melhores fotos que registrei nessa oportunidade, devo também confessar que essa foi uma visita super rápida que realizei em menos de quatro horas dentro do Museu de História Natural em Nova York. Isso é de fato muito pouco tempo para ver superficialmente esse que é um dos maiores museus do planeta, entretanto é claro que esta é o tipo de experiência que merece repeteco!

10 - Lucy, um fóssil com 3,2 milhões de anos

Lucy, um fóssil com 3,2 milhões de anos
Lucy, um fóssil com 3,2 milhões de anos

Tem muito, muito, muito messssmo a ser explorado nesse lugar. De fato quatro horas é um tempo muito limitado para ler, entender e contemplar todos os itens que ali estão expostos. Como admiro muito a história da arqueologia, fui direto à parte mais interessante do museu nesse tópico específico: fui conhecer a Lucy, um fóssil com 3,2 milhões de anos que por um bom tempo foi considerado ser do hominídeo mais antigo do mundo.

9 - Crânios da nossa árvore genealógica

Crânios de várias fases da evolução humana
Crânios de várias fases da evolução humana

Fala se não é um prato cheio pra amantes de biologia e ciências relacionadas ao desenvolvimento do ser humano?! É fácil perder-se pelos andares do Museu de História Natural em Nova York e passar o dia inteiro sem conhecer sequer a metade do museu. Tem uma área que você pode ir comparando as diferenças entre os esqueletos e crânios de várias gerações da nossa própria evolução.

8 - Onde ver um Moai fora da Ilha de Páscoa!?

Moai no Museu de História Natural em Nova York
Moai no Museu de História Natural em Nova York

Olha uma dica que eu posso fornecer é a seguinte: foca no que você quer ver e manda bala! Além de ficar sempre muito abarrotado de visitantes, é possível você sair do museu sem ver aquilo que gostaria por conta da variedade tremenda de itens que esse museu possui em seu acervo. Onde mais você acha que iria conseguir ver um Moai fora da Ilha de Páscoa!?

Como gosto muito da história da evolução do universo, também investi boa parte do meu tempo nos salões da ciência terrestre e planetária, onde é possível inclusive tocar em um gigantesco meteorito espacial.

7 - Riqueza de detalhes em suas exposições

Riqueza de detalhes no Museu de História Natural em Nova York
Riqueza de detalhes no Museu de História Natural em Nova York

Gente a riqueza de detalhes é tão grandiosa que você passaria horas e mais horas apenas contemplando as vestimentas e adornos que foram e são utilizados por tribos africanas. Gostaria de ver lugares assim acessíveis à população brasileira, fico pensando muito em quando era criança, se tivesse tido a oportunidade de ir a um lugar como esse sem dúvidas teria ficado ainda mais apaixonado pelo aprendizado.

6 - Gerações inteiras de animais representadas por esqueletos


É impressionante contemplar esses fósseis!

Enquanto eu buscava a principal atração da "festa", fui parando de sessão em sessão para conferir o que havia de melhor naquele andar. Existem certos lugares que você meio que não consegue evoluir nas caminhadas pois a história fica tão interessante que você acaba querendo ler todas as informações que estão ali dispostas e tenta interagir da maneira que consegue com a exposição.

Em alguns lugares era possível contemplar a completa evolução de uma determinada espécie, expostas ali diante dos visitantes de uma maneira tão realista que fazia de fato com que a atenção ficasse presa por vários instantes em apenas um único lugar do vasto museu.

5 - Reprodução de mamíferos, aves e animais em geral de maneira surpreendente

Elefantes em um dos halls do Museu de História Natural em Nova York
Elefantes em um dos halls do Museu de História Natural em Nova York

Enquanto a gente ia vencendo a caminhada em busca da principal ossada exposta no museu era possível contemplar a riqueza grandiosa dos detalhes, existiam corredores enormes com maquetes completas ambientadas com espécies de animais empalhados e reprodução fiel de ambientes únicos na natureza selvagem.

Olha, nesse ponto do passeio eu já estava considerando que conhecer esse Museu de História Natural em Nova York o mesmo que realizar uma viagem ao redor do mundo sem sair da mesma cidade.

4 - Perfeição e história preservada

Museu de História Natural em Nova York
Alguns exemplos do nível de preservação

Sei que nessa oportunidade foi tudo muito rápido e sem dúvidas eu posso ter deixado de visitar alguma área importante, só que uma coisa é certa aqui nessa história: eu fiquei deslumbrado com o nível de preservação de tudo que eu consegui contemplar neste breve passeio, em alguns lugares você pode ficar por vários minutos tentando compreender como essas gigantescas espécies de animais já não estão mais por aqui entre nós, tão fortes, parecendo ser tão robustas e hoje já não habitam mais esse mundo.

3 - História preservada que levanta questionamentos

Museu de História Natural em Nova York
Grandiosidade das maquetes é espetacular

Você fica ali no seu cantinho analisando cada ossada gigantesca de dinossauros que um dia estiveram por aqui e pensa no quão frágil é o ser humano, uma vez que animais tão robustos foram extintos sem nunca terem alterado o ambiente em que viveram, e nós brincando com as forças do planeta da forma que estamos ao poluir, desmatar, degradar e denegrir fauna e flora.

2 - Em alguns lugares é preciso se esforçar pela foto

Dinossauro no Museu de História Natural em Nova York
Um dos halls do Museu de História Natural em Nova York com esqueletos de dinossauros

Eu ficava me pegando a todo momento pensando em como seria a nossa vida se esses animais ainda existissem entre nós! Você realmente começa a pensar diferente depois de contemplar uma exposição desse nível bem diante dos olhos! Sem dúvidas eu nunca tinha pensado que visitar um museu seria uma atração tão divertida, interessante e de fato motivante.

Veja que na foto anterior o tamanho das pessoas parece ser ínfimo comparado à grandiosidade do esqueleto dos dinossauros expostos em um dos halls de entrada do museu. Essa área é o lobby principal chamado de Theodore Roosevelt Rotunda.

1 - Veja o fóssil de alguns dos maiores dinossauros que já habitaram nosso planeta

Museu de História Natural em Nova York

Essa sem dúvida é a foto que mais impressiona e demonstra o tamanho da grandiosidade dos fósseis que podem ser contemplados livremente no Museu de História Natural em Nova York. Tem uma sessão única dedicada aos maiores dinossauros que já habitaram a Terra, em algumas delas inclusive os fósseis chegam a sair das salas, de tão grandiosos que eram esses animais.

Concluindo, ter a oportunidade de caminhar pelos andares do Museu de História Natural em Nova York é o equivalente a obter aulas práticas de história, geografia, biologia entre tantas outras matérias básicas requisitas à escolaridade de qualquer ser humano. Fiquei pensando nos tempos de escola, na oportunidade imperdível que seria conhecer um lugar como esses naquela época. Caso você queira saber mais sobre o museu, não deixe de visitar o site oficial deles em https://www.amnh.org/

Curtiu o post? Como você percebeu a gente não entrou em muitos detalhes, entretanto conseguimos deixar aqui também registradas algumas das melhores imagens desta breve visita e espero ter também te contagiado com esse gostinho de quero mais. Não esquece de deixar seu comentário logo a seguir, se gostou mesmo te incentivo também a compartilhar essa matéria com pessoas que também gostariam de conhecer esse lugar. Abração e até a próxima!

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias