Uma excelente forma de conhecer um pouco mais de um país é sentar em algum banco e praticar o people watching. Um dos países em que mais exercitei essa prática de observação de pessoas foi na Indonésia, mais especificamente em Bali. As pessoas são a essência básica de uma nação e a receptividade praticada por elas para com os viajantes que visitam esse novo país é fundamental para formar a opinião sobre o destino em questão – a ilha de Bali e seus habitantes foram extremamente amigáveis com meu grupo durante todos os momentos!

Seja em Ubud, Tulamben, Kuta ou Denpasar, em todas as cidades balinenses que tive a oportunidade de caminhar pelas ruas com minha câmera, a sensação que tomava conta do meu interior era única: as pessoas pareciam posar para minhas lentes. Caminhando pelas feiras, em restaurates nas calçadas, no meio do caminho entre um deslocamento ou outro – sempre haviam balinenses tão receptivos a ponto de parecer que seus olhos estavam aprovando o disparo do meu obturador.

Uma criança pronta para ir ao colégio em Bali
Uma criança pronta para ir ao colégio em Bali

As crianças em especial foram alvo das minhas atenções. Não haviam expressões mais sinceras do que as desenhadas pelos rostos, olhares e sorrisos dos pequeninos balinenses. Na foto anterior o garoto esperava o momento oportuno para levantar com seu brinquedo novo e partir para mais um dia de aulas. De banho tomado, ele esperava por seus familiares, proprietários de um restaurante popular, enquanto a minha câmera registrava aquele momento tão simples aos olhos de tantos, e tão especial para quem conhece a importância dos detalhes em uma viagem a um destino tão exôtico quanto é Bali.

Outra imagem que ficou marcada tanto no meu cartão de memória quanto nas lembranças desses dias perambulando nessa ilha foi a foto dessa garotinha que vem logo a seguir. Ela estava correndo por uma das ruas de um vilarejo qualquer entre Ubud e Tulamben. Quando me viu aproximar com a câmera nas mãos, logo ficou estagnada, esperando que eu tirasse uma foto! Mais do que depressa me agachei para conseguir focá-la por completo na composição, enquanto ela esperava anciosa para conferir o resultado. Quando olhei para o LCD da câmera e sorri, ela veio correndo me pedindo para ver a foto! São momentos assim que marcam a história de uma jornada.

Uma bela menina na Ilha de Bali
Uma bela menina na Ilha de Bali

Viagens de extremos, em que não somente os mais jovens são alvos da atenção dos viajantes, mas que possuem também pessoas com idade mais avançada que fazem questão de formar composições perfeitas. Observar pessoas, registrando-as em fotos, permite com que o viajante possa eternizar suas memórias e impressões de um país da forma mais fundamental possível – analisando seus próprios habitantes! A simplicidade do senhor na foto a seguir conquistou mais um disparo e aquela bandana vermelha e o sari xadrez, vestimentas tão tradicionais da população balinense ficaram marcados na minha memória…

Um senhor com trajes típicos da Ilha de Bali
Um senhor com trajes típicos na Ilha de Bali

A felicidade transbordava ao caminharmos em meio às feiras livres, apreciando o trabalho manual das senhoras balinenses, confeccionando as oferendas, comercializando comidas típicas caseiras e com fartos sorrisos de boas-vindas e boa viagem para todos os viajantes que se aproximavam.

Uma bela senhora feirante sorri para as minhas lentes
Uma bela senhora feirante sorrindo para as minhas lentes

Feiras livres a propósito que se transformaram na minha opinião no lugar de maior aceitação, com grande receptividade por parte de todos os locais aos quais eu me atrevia a aproximar um pouco mais e interagir com sorrisos, mostrando a câmera, pedindo licença para eternizar os momentos e em um futuro próximo poder mostrar a meus filhos que o povo balinense possui uma receptividade tremenda para com os turistas que os visitam.

Feirante e mulher fazendo refeição
Feirante e mulher fazendo refeição

Lugares como Bali atraem tantos turistas não somente por suas belezas naturais, paisagens impressionantes, templos inexplicavelmente belos, mas por conseguinte justamente pela amabilidade dos locais em dar um belo sorriso ao ver um novo visitante que está interessado em sua vida real 😉


Autor
Luiz Jr. Fernandes
Sou um analista de sistemas, fotógrafo, autor deste blog e viajante profissional. Já conheci mais de 70 países em todos os continentes do mundo. As minhas matérias são 100% exclusivas, inspiradas em experiências reais adquiridas nos destinos que visito. Obrigado por ler e acompanhar o meu trabalho.
Comentários do Facebook
2 comentários publicados
  1. Luiz,

    Aparecer de não conhecer o Bali, este local parece maravilhoso. A qualidade, imagem e profundidade das fotos é incrível e capta um olhar muito profundo dos Balinenses.

    People watching é uma ação que vale a pena fazer em qualquer local do mundo, mas suas fotos mostram algo muito mais profundo.

    Adorei o seu artigo.

    1. Olá Rui, agradeço muito por seu comentário! Bali é definitivamente um belo lugar para uma viagem introspectiva! Além de ser ideal para observar pessoas, este é um destino em que eu ficava satisfeito por conseguir interagir com os locais (mesmo os que não falavam inglês) e sempre arrancava um sorriso deles 😀 Volte sempre e continue acompanhando nossas matérias sobre o Sudeste da Ásia! Ainda tem muita coisa legal vindo por aí! Abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *