Minha primeira vez no Brooklyn não poderia ter sido mais especial. Eu já estava no finalzinho da segunda visita a Nova York e quase acreditando que iria voltar ao Brasil sem conhecer mais esse borought da Big Apple. Foi quando meu companheiro de viagens, o Diogo, disse que havia conhecido um cara muito gente fina em sua primeira viagem ao Havaí, um brasileiro que morava em NY já há alguns anos e que era O CARA (o nome dele é Lulin) quando o assunto era ficar de rolé pela capital do planeta. Tentamos contato com ele durante todos os dias da viagem, mas infelizmente por ser bastante ocupado, só conseguiu nos encontrar algumas horas antes do voo de volta ao Brasil decolar do JFK.

Conseguimos nos encontrar em algum lugar próximo a Long Beach, e de lá decidimos que seria melhor correr contra o tempo. Meu medo era pegar qualquer engarrafamento que nos prendesse no trânsito e consequentemente o tempo fosse desperdiçado. Mas de cara subestimei o Lulin que dirigia no carro que me guiava (sem GPS) pelo caos noturno que estavam as vias da grande maçã naquela noite. Ficou decidido então que iríamos ter um happy hour em um barzinho bem descolado às margens da Brooklyn Bridge, chamado Miss Favela. E lá fomos nós!

Miss Favela, bar brasileiro em pleno Brooklyn
Miss Favela, bar brasileiro em pleno Brooklyn

Chegando lá o ambiente entregou – estávamos em um bar ao estilo brasileiro – vários detalhes lembravam a todos os momentos a nação verde-amarelo, tal como as havaianas coladas no teto e paredes, as gigantescas garrafas com cachaça e alguns produtos tradicionais do Brasil decorando o ambiente. Música animada, gente bonita, alguns brasileiros, gringaiada – foi legal!

Barzinho lotado - Miss Favela - Brooklyn - Nova York
Barzinho lotado – Miss Favela – Brooklyn – Nova York

A TV Boa Viagem gostou do som que estava rolando e decidiu fazer um vídeozinho breve pra ficar gravado para a posteridade! Com vocês, No Woman no cry, no Miss Favela, Brooklyn – NY!


Miss Favela no Brooklyn

Depois de desfrutar por bons momentos naquele ambiente agradável que é o Miss Favela, decidimos romper para um rolé rápido pelo Brooklyn antes de seguir straight ahead to the airport!. Eis que descemos a rua do bar seguindo a sombra da ponte do Brooklyn. Mesmo com pressa, uma vez nesse lugar é preciso parar para apreciar a arte que colore as paredes de praticamente todos os edifícios nos arredores da ponte.

Se está na rua, e é no Brooklyn, então tem que rolar uns grafites
Arte de rua – grafite nos muros do Brooklyn

Caminhamos por ruas incríveis! Com expressões impressionantes de criatividade estampadas nas paredes de onde passávamos. Foi legal encontrar uma placa de Dead End justamente nas últimas horas em Nova York! Caminhamos um pouco mais, demos voltas em quarteirões apreciando a bela vista de Manhattan e decidimos partir para o Gran Finale.

Passeio noturno pelas ruas do Brooklyn
Passeio noturno pelas ruas do Brooklyn

Pedi ao Lulin que nós levasse até o lugar que ele considera ser o mais incrível, o que tem a melhor vista – queria conhecer a melhor vista da metrópole na opinião desse novo amigo. Ele não titubeou, saiu correndo pro carro e mandou seguí-lo. Algumas curvas, entra em uma rua sai em outra e PIMBA, estávamos no lugar com a melhor vista de Manhattan, o Brooklyn Bridge Park!

Brooklyn Bridge Park
Brooklyn Bridge Park

Fechando a viagem com chave de ouro não é mesmo?! Uma excelente dica para quem quer ter uma noção de quão impressionante é Manhattan, um dos maiores projetos de engenharia constuído pelas mãos humanas!

A bela vista noturna de Manhattan
A bela vista noturna de Manhattan

Autor
Luiz Jr. Fernandes
Luiz Jr. Fernandes
Sou um analista de sistemas, fotógrafo, autor deste blog e viajante profissional. Já conheci mais de 70 países em todos os continentes do mundo. As minhas matérias são 100% exclusivas, inspiradas em experiências reais adquiridas nos destinos que visito. Obrigado por ler e acompanhar o meu trabalho.
Comentários do Facebook
9 comentários publicados
  1. Todo o mundo, quando pensa em Nova York pensa em Manhattan. Apesar de ser o local mais famoso e turístico, o Brooklyn tem muito para oferecer aos seus visitantes. Continue partilhando para ver as pessoas começam a expandir os seus horizontes!

    1. Oi João! Obrigado pela visita/comentário! Eu gostei demais do Brooklyn! Fui duas vezes a NY e hoje posso dizer que conheço os 5 boroughts! Acredito que na próxima oportunidade vou tentar focar a minha hospedagem lá no Brooklyn! O lugar é irado e como fiquei hospedado duas vezes no SoBro, então acho que chegou a hora de garimpar um lugarzinho legal lá na sombra da ponte 😉 Abração e ótima semana!

  2. ola luiz tudo bem, gostaria que me ajudasse em relação aonde ficar em nova iorque. sei que é melhor se hospedar na ilha de manhattan porém os hoteis são muito caros e tenho medo de ficar em algum lugar de dificil acesso pois sera minha primeira vez, aguardo sua ajuda

    1. Olá Josue, obrigado pela visita e comentário aqui no blog. Bom acredito que para a primeira visita a NY chega a ser assustador quando você faz uma pesquisa pra se hospedar em Manhattan, não é mesmo?! É difícil encontrar hotéis por 80U$ a diária perto da Times Square, e isso faz a viagem ficar extremamente mais onerosa. Quando visitei a primeira vez eu fiz umas pesquisas no airbnb e encontrei um lugar no Bronx chamado SoBro, a 20 minutos de metrô da rua 42 em Midtown (5min caminhando até Times Square), paguei barato, quarto privado com ar, aquecedor, frigobar, tv lcd e banheiro compartilhado. Contei minha experiência aqui – Sobro e Bronx, dá uma conferida lá! Abração e aguardo seu retorno para contar como foi!

  3. olá bom dia,gostaria de uma ajuda estou pensando em mora brooklin,nunca fui em nova york,mais queria ir para passar um tempo,poderia me ajudar..

    1. Olá Everton, obrigado pela visita e por deixar um comentário aqui no blog. Bom eu também sonho em morar em NYC, poxa esta é a cidade perfeita para quem gosta de movimento, novas culturas e estar imerso em uma realidade realmente impressionante, porém não vejo outra alternativa a não ser ter os documentos legais para conseguir viver por lá. É possível tirar o visto de turista e ficar lá legalmente por até 6 meses, porém não vejo outra forma legal para morar no Brooklyn a não ser tirar o visto de trabalho e conseguir um emprego fixo por lá para se manter bem. Qualquer nova dúvida volte a comentar! Será um prazer te ajudar a realizar este sonho.

      1. Valeu mano,mais me tira uma dúvida,quando vc diz emprego lixo quer dizer o que trabalhar de que,por que eu não me importaria de trabalhar poderia ser de qualquer coisa,mesmo sendo por 6 meses entendeu..sou ex militar se fosse possível até me alistaria no exército americano.. me ajuda ai mano,to cansando desse país..

        1. Oi Everton, eu não disse emprego lixo, mas sim emprego ‘fixo’. Somos dois então cansados desse país. A melhor forma é tentar encontrar o emprego antes. Tem gente que trabalha clandestino também, sem documentos e recebendo o valor que se oferecem a pagar, porém é ilegal e acredito que não é a melhor forma de sair do país para ter um futuro de sucesso…

          1. DESCULPA EU LI ERRADO..mais como eu conseguiria o emprego nos USA,tem alguma empresa que faz isso..

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.