Rota das Emoções em Jericoacoara no Ceará

Primeiro destino a ser visitado na Rota das Emoções foi a belíssima vila de pescadores pé na areia chamada Jericoacoara, localizada a pouco mais de 300 quilômetros de distância de Fortaleza, a capital ceareanse. Visitamos a Pedra Furada, Lagoa do Paraíso, Árvore da Preguiça e assistimos ao pôr do sol no topo de uma duna com mais de 40 metros de altura.

Recentemente recebi o convite do SEBRAE para realizar a Rota das Emoções, trajeto que une três estados brasileiros valorizando seus principais destinos turísticos: Ceará (com Jericoacoara), Piauí (com o Delta do Parnaíba) e Maranhão (com o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses). Foi uma viagem repleta de surpresas, diferentes paisagens, alguns finais de dia espetaculares, praias, rios, piscinas e lagoas naturais.

Como estávamos apenas fazendo uma breve degustação das potencialidades desses destinos, acabamos por realizar um trajeto mais enxuto em apenas 5 dias, entretanto acredito que a melhor maneira de desfrutar a Rota das Emoções é tentando investir um pouco mais de tempo, conseguindo assim cumprir este mesmo roteiro em no mínimo uns 12 dias.

Nossa viagem começou oficialmente em um dos lugares mais cobiçados do território nacional, o belíssimo vilarejo pé na areia de Jericoacoara. Este é um lugar que sem dúvidas tem a benção de Deus aparente em suas belezas naturais e também na amabilidade e sorriso estampado no rosto das pessoas que levam sua vida por ali mesmo. Um dos pontos altos da viagem a Jeri é sem dúvidas quando o sol começa a cair no horizonte anunciando o final de mais um dia. Como em uma longa procissão, a grande maioria dos turistas que estão por ali iniciam seu trajeto desde a vila até aos 40 metros correspondentes ao topo da "Duna do Pôr do Sol".

Duna do Pôr do Sol em Jericoacoara
Duna do Pôr do Sol em Jericoacoara

Assim como faziam a maioria dos turistas e locais, nós também acabamos tentando encontrar o nosso lugar durante o "pôr do sol" em Jeri. Como teríamos duas noites neste destino, acabamos por optar pela contemplação do final do dia lá no topo da duna logo no primeiro dia para posteriormente tentar encontrar outros lugares interessantes para ver a beleza singular dos finais de dia em Jericoacoara.

Pôr do sol sempre espetacular em Jeri
Pôr do sol sempre espetacular em Jeri

Antes mesmo do sol partir para o outro lado do planeta já foi possível se maravilhar com o espetáculo da transformação de cores no céu de Jeri. Se pôr do sol já é bonito de se admirar em qualquer lugar que estejamos, então fica fácil compreender os motivos de Jeri ter uma duna exclusiva para os amantes do pôr do sol!

Pintura divina nos céus de Jericoacoara
Pintura divina nos céus de Jericoacoara

Consegui registrar fotos espetaculares desses momentos únicos de cada dia e você pode conferir as melhores visitando a galeria de imagens deste destino que encontra-se no final desta matéria.

Com a chegada da noite, voltamos para nossa alternativa de hospedagem afim de nos refrescarmos para então conseguir visitar o 3º Salão de Turismo da Rota das Emoções que estava sendo realizado nesta oportunidade ali mesmo nas areias da vila de Jericoacoara. Conhecemos várias pessoas do tranding turístico dos destinos vinculados à Rota, participamos de algumas palestras e interagimos com os responsáveis pelos estandes, foi realmente uma festa para o turismo regional desses estados.

Salão da Rota das Emoções 2015 em Jericoacoara
Salão da Rota das Emoções 2015 em Jericoacoara

Já na manhã do dia seguinte nos reunimos para o primeiro dia completo de atividades em Jeri: nosso itinerário estava bem intenso devido ao tempo escasso que teríamos no Ceará: visitaríamos em um primeiro momento a famosíssima Pedra Furada um dos marcos naturais que pode ser visitado de diversas formas em Jericoacoara. Nós fomos de buggy até um certo ponto e a partir daí realizamos uma caminhada agradável - entretanto extremamente calorosa - pela praia até chegar na grande pedra localizada à beira mar em um lugarzinho um pouco distante da vila de Jeri.

Passeio de puggy em Jeri
Passeio de buggy em Jeri

Achei bem interessante o passeio feito com o buggy, mesmo porque na minha última oportunidade de visitar Jeri acabei conhecendo a Pedra Furada de uma maneira que requiriu um pouco mais de esforço: fizemos uma caminhada desde a vila até a pedra furada descendo as encostas de uma falésia que existe antes mesmo de chegar na pedra. O que eu recomendo?! Bem, acredito que a caminhada é interessante para aqueles que gostam de contemplar os detalhes no caminho com um pouco mais de tempo - pode ser muito bom se for realizado ainda bem cedinho ou antes do sol se pôr, evitando assim o calor intenso das principais horas do dia. Também é possível alugar uma quadrimoto e ir por conta própria bem rapidinho, depende muito de quantas pessoas estarão no grupo e quanto é o limite de custo que gostar-se-ia de investir neste único passeio. Caso tenha dúvidas, contrate o serviço dos bugueiros, que também poderão ser excelentes guias para este passeio!

Pedra Furada, uma das atrações naturais nos arredores de Jeri
Pedra Furada, uma das atrações naturais nos arredores de Jeri

Entre um lado e outro da "Pedra Furada" é possível contemplar belíssimas paisagens desenhadas pela ação das marés, inclusive espantei o calor intenso que tomou conta do meu corpo depois da caminhada tomando um banho refrescante de mar em uma das várias piscinas naturais que encontrei no caminho de volta. Quando nos encontramos novamente com os bugueiros, eles já estavam prontos para seguir rumo ao ponto alto deste dia de exploração dos atrativos turísticos de Jeri: nossa próxima parada seria a sensacional Lagoa do Paraíso, sem dúvidas uma das melhores atrações que podem ser encontradas na região. Só que antes de ir direto ao ponto conhecemos outras lagoas e uma nova alternativa de hospedagem nesta região do Ceará, o Rancho do Kite.

Lagoas e a vista da praia no Rancho do Kite
Lagoas e a vista da praia no Rancho do Kite

Por falar em kite, Jeri é mundialmente conhecida como um dos melhores destinos para a prática do Kite-Surf, modalidade de esporte onde é possível velejar no oceano com a ajuda de uma prancha e uma pipa inflável. É muito bonito ver os kite-surfistas deslizando de um lado para o outro e fazendo manobras alucinantes com a ajuda dos fortes ventos que sopram no extremo norte do Ceará.

Mais uma vez voltamos a embarcar em nossos buggys para seguir caminho rumo a uma das paisagens mais espetaculares do nordeste brasileiro: a Lagoa do Paraíso , ponto alto de qualquer viagem a Jericoacoara.

Lagoa do Paraíso em Jericoacoara
Lagoa do Paraíso em Jericoacoara

Encontrei este lugar um tanto quanto diferente da primeira oportunidade que tive de visitá-lo. Por um lado acredito que é uma diferença positiva, desde que agora existe o Alchymist Beach Club provendo uma fenomenal estrutura aos turistas que desejam passar o dia no paraíso. Servido pratos típicos da culinária cearense (entre eles deliciosas lagostas!), este restaurante consegue oferecer toda estrutura necessária para quem planeja experimentar um dia completo se divertindo na água doce (porém salobra) da Lagoa do Paraíso.

Diversão e descanso em Jeri
Diversão e descanso em Jeri

Uma dica que pode ser de extrema valia para quem está planejando uma viagem para este lugar é a seguinte: existem outros dois restaurantes muito bem recomendados na Lagoa do Paraíso, um deles é o Nova Esperança, que fica em um ponto um pouco mais remoto porém que pode proporcionar uma experiência completamente distinta aos seus visitantes, desde que não costuma ser o principal destino de todos os visitantes desta lagoa. Outro lugar é o Restaurante e Pousada do Paulo, servindo comida deliciosamente caseira e oferecendo hospedagem a um custo interessante logo às margens desta maravilhosa lagoa.

A grande maioria dos bugueiros contratados para um passeio até este lugar acabará levando seus clientes para o Alchymist, entretanto pode ser interessante frisar o desejo de conhecer outros lugares. Me joguei em uma daquelas redes e por mim ficaria naquele lugar para toda eternidade :)

Lagoa do paraíso e árvore da preguiça
Despedida da lagoa do paraíso e na volta conhecemos a Árvore da Preguiça

Nosso passeio foi realmente muito rápido devido ao escasso tempo para cumprir todo trajeto. Logo depois do almoço tivemos a oportunidade de mergulhar pela última vez naquelas águas refrescantes para então retornar a Jeri. No nosso caminho visitamos outro marco natural interessante, a Árvore da Preguiça, lugar excelente para registrar fotos inusitadas e compreender um pouco sobre o quão fortes são as rajadas de vento nesta região do Brasil.

Ao chegar em Jeri fomos brindados com um tempo livre para curtir o pôr do sol da melhor maneira possível. Como já tínhamos contemplado com tremenda satisfação o pôr do sol no topo da duna no dia anterior, optamos por ficar na praia e explorar um pouco mais os detalhes que encontraríamos longe do foco principal da turistada que visitava a vila. Foi realmente uma das melhores decisões que poderíamos tomar para transformar aquele fim de tarde mais uma vez em belíssimas memórias que guardaríamos por toda posteridade.

Pôr do sol na praia de Jericoacoara
Pôr do sol na praia de Jericoacoara

A sequência de fotos composta pela montagem anterior é capaz de exemplificar com alguns detalhes um pouco da beleza à qual fomos expostos simplesmente por caminhar sem pressa pela praia de Jericoacoara, considerada por muitos como uma das mais belas do planeta! Lugarzinho perfeito para ver todo movimento da procissão dos finais de dia em Jeri, porém extremamente sensacional para desfrutar das belíssimas piscinas naturais que se formam ao longo de toda praia e também contemplar de perto os contrastes gerados no céu, marcando assim outro final de dia em um dos destinos mais paradisíacos do território nacional.

Espetáculo de cores assistindo o sol se pôr no mar em Jeri
Espetáculo de cores assistindo o sol se pôr no mar em Jeri

A imagem do sol indo embora no mar ficou marcada na memória e também anunciava que nosso tempo em Jeri já havia chegado ao final. No dia seguinte partimos para o próximo destino na Rota das Emoções: o Delta do Parnaíba, mais um lugar perfeito para contemplar o sol se pondo com o bônus de poder assistir à revoada dos guarás, tema do nosso próximo post sobre a Rota das Emoções, não vá perder hein!

A seguir você pode conferir uma compilação com alguns dos melhores momentos desta fase da viagem e logo após compartilho uma galeria com as algumas das mais belas fotos que minhas câmeras conseguiram capturar enquanto estive no Ceará.


Rota das Emoções: Jericoacoara/Ceará

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias