Como foi a minha primeira vez no Brooklyn

Terminei minha segunda viagem a NYC conhecendo um barzinho brasileiro chamado Miss Favela na cia de dois amigos. Depois fomos caminhar pelas ruas do Brooklyn e fechamos a viagem com chave de ouro, brindados pela bela vista de Manhattan desde o Brooklyn Bridge Park.

Minha primeira vez no Brooklyn não poderia ter sido mais especial. Eu já estava no finalzinho da segunda visita a Nova York e quase acreditando que iria voltar ao Brasil sem conhecer mais esse borought da Big Apple. Foi quando meu companheiro de viagens, o Diogo, disse que havia conhecido um cara muito gente fina em sua primeira viagem ao Havaí, um brasileiro que morava em NY já há alguns anos e que era O CARA (o nome dele é Lulin) quando o assunto era ficar de rolé pela capital do planeta. Tentamos contato com ele durante todos os dias da viagem, mas infelizmente por ser bastante ocupado, só conseguiu nos encontrar algumas horas antes do voo de volta ao Brasil decolar do JFK.

Conseguimos nos encontrar em algum lugar próximo a Long Beach, e de lá decidimos que seria melhor correr contra o tempo. Meu medo era pegar qualquer engarrafamento que nos prendesse no trânsito e consequentemente o tempo fosse desperdiçado. Mas de cara subestimei o Lulin que dirigia no carro que me guiava (sem GPS) pelo caos noturno que estavam as vias da grande maçã naquela noite. Ficou decidido então que iríamos ter um happy hour em um barzinho bem descolado às margens da Brooklyn Bridge, chamado Miss Favela. E lá fomos nós!

Miss Favela, bar brasileiro em pleno Brooklyn
Miss Favela, bar brasileiro em pleno Brooklyn

Chegando lá o ambiente entregou - estávamos em um bar ao estilo brasileiro - vários detalhes lembravam a todos os momentos a nação verde-amarelo, tal como as havaianas coladas no teto e paredes, as gigantescas garrafas com cachaça e alguns produtos tradicionais do Brasil decorando o ambiente. Música animada, gente bonita, alguns brasileiros, gringaiada - foi legal!

Barzinho lotado - Miss Favela - Brooklyn - Nova York
Barzinho lotado - Miss Favela - Brooklyn - Nova York

A TV Boa Viagem gostou do som que estava rolando e decidiu fazer um vídeozinho breve pra ficar gravado para a posteridade! Com vocês, No Woman no cry, no Miss Favela, Brooklyn - NY!


Miss Favela no Brooklyn

Depois de desfrutar por bons momentos naquele ambiente agradável que é o Miss Favela, decidimos romper para um rolé rápido pelo Brooklyn antes de seguir straight ahead to the airport!. Eis que descemos a rua do bar seguindo a sombra da ponte do Brooklyn. Mesmo com pressa, uma vez nesse lugar é preciso parar para apreciar a arte que colore as paredes de praticamente todos os edifícios nos arredores da ponte.

Se está na rua, e é no Brooklyn, então tem que rolar uns grafites
Arte de rua - grafite nos muros do Brooklyn

Caminhamos por ruas incríveis! Com expressões impressionantes de criatividade estampadas nas paredes de onde passávamos. Foi legal encontrar uma placa de Dead End justamente nas últimas horas em Nova York! Caminhamos um pouco mais, demos voltas em quarteirões apreciando a bela vista de Manhattan e decidimos partir para o Gran Finale.

Passeio noturno pelas ruas do Brooklyn
Passeio noturno pelas ruas do Brooklyn

Pedi ao Lulin que nós levasse até o lugar que ele considera ser o mais incrível, o que tem a melhor vista - queria conhecer a melhor vista da metrópole na opinião desse novo amigo. Ele não titubeou, saiu correndo pro carro e mandou seguí-lo. Algumas curvas, entra em uma rua sai em outra e PIMBA, estávamos no lugar com a melhor vista de Manhattan, o Brooklyn Bridge Park!

Brooklyn Bridge Park
Brooklyn Bridge Park

Fechando a viagem com chave de ouro não é mesmo?! Uma excelente dica para quem quer ter uma noção de quão impressionante é Manhattan, um dos maiores projetos de engenharia constuído pelas mãos humanas!

A bela vista noturna de Manhattan
A bela vista noturna de Manhattan

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias