Um domingo de missa papal no Vaticano

Dei a sorte gigante de fazer um stop-over rumo à África em Roma justamente num sábado. Meu voo sairia no domingo a noite e nada melhor do que aproveitar a paradinha na Itália para assistir uma missa do Papa no Vaticano :)

Depois de obter excelentes primeiras impressões sobre Roma e suas atrações principais ainda no meu primeiro dia em solo europeu, dormi mentalizando que o dia seguinte poderia me ser com clima firme, céu azul e um pouco de sol, visto que seria minha oportunidade inicial de conhecer o Vaticano e convenhamos, as fotos ficam muito mais bonitas quando o céu está aberto e podemos brincar com os contrastes entre o azul e as cores escuras das construções romanas.

Logo ao levantar, abri a janela e o céu estava todo cinza, tomei um belo banho e senti que o jet lag da viagem estava um pouco mais ameno. Tomamos um café básico e saimos pelas ruas para descobrir outra cidade dentro de Roma: o Vaticano e suas imponentes construções e legados históricos. Eu sinceramente saí meio desmotivado, queria aquele ceuzão azul, porém não foi uma chuvinha leve que me fez ficar parado morgando na nossa hospedagem. Preparei minha blusa de frio, chequei todo meu material tecnológico (máquinas fotográficas, iphone, gopro e uma DSLR nikon D5100), lentes, baterias, um pouco de grana européia nos bolsos, um mapinha impresso gentilmente fornecido no albergue e fomos para as ruas.

Caminhando desde o Coliseu até o Vaticano
Caminhando desde o Coliseu até o Vaticano

Como nossa residência oficial em Roma estava colada ao Coliseu, a primeira parada dessa caminhada foi por ali mesmo. Estava bem diferente da noite anterior, repleto de turistas caminhando frenéticamente para um lado e para o outro, mesclados a vendedores imigrantes de todas as nacionalidades que pude reconhecer, passando por africanos, orientais em meio a alguns latinos bolivianos, e muitos, muitos turistas brasileiros. Continuamos a nossa caminhada deixando o Coliseu para trás, seguindo pela Via dei Fori Imperiali até nos encontrarmos com a praça central de Roma Piazza Venezia, lugar onde pode ser contemplado o Monumento Nazionale a Vittorio Emanuele II (Monumento Nacional a Vítor Emanuel II), um dos monumentos mais belos da Roma moderna (sim! a obra deste monumento foi entregue apenas em 1935)

Missa papal no Vaticano em um domingo chuvoso
Missa papal no Vaticano em um domingo chuvoso

Nesse momento a chuva apertou..., saímos desviando da rota que o GPS havia traçado para encontrar caminhos mais rápidos (e mais secos também), queríamos apreciar a cidade, era apenas nosso segundo dia em Roma e não queríamos pensar em nos meter nos trens do Metrô romano perdendo as belíssimas paisagens que só podem ser encontradas na superfície. E enquanto ainda cruzava a ponte do Rio Tibre fiz um registro em vídeo para compartilhar com vocês a emoção dos momentos próximos à minha chegada ao Vaticano.


Caminhando em um domingo chuvoso rumo ao Vaticano

Era um domingo frio, chuvoso e que também ia ficando bem tumultuado conforme íamos nos aproximando do Vaticano. Quando chegamos na Praça de São Pedro não conseguímos sequer nos locomover por conta de uma missa do Papa Bento XVI que acontecia no exato momento em que conseguimos chegar. Foi emocionante. Sombrinhas e guarda-chuvas eram avistados por todos os lados. Era impossível querer se locomover no meio de tanta gente, então decidímos esperar a chuva passar, a missa acabar e a multidão se disperçar um pouco para conseguir encarar a fila que nos levaria até uma breve visita na Basílica de São Pedro. Foram mais de 3 horas para tudo isso acontecer, mas quando finalmente conseguimos adentrar as áreas de segurança e definitivamente pisar dentro da Basílica, aquela sensação de grandiosidade foi geral.

Pinturas no interior da Basílica de São Pedro no Vaticano
Pinturas no interior da Basílica de São Pedro no Vaticano

Quanta beleza estampada por todas as imagens que meus olhos conseguiam avistar! Uma beleza difícil de ser descrita em palavras, afinal de contas meus olhos estavam diantes de imagens e esculturas assinadas por alguns dos maiores artistas da humanidade, tal como Michelangelo, responsável pelo início das pinturas do teto da Basílica, infelizmente morreu sem ver seu trabalho completo. A finalização foi responsabilidade de Giacomo della Porta, sem dúvidas o telhado mais bem adornado e cheio de detalhes que pude contemplar em minha vida.

Visão geral do edifício católico mais importante no planeta
Visão geral do edifício católico mais importante no planeta

O difícil era conseguir focar em algo. Qualquer clique dentro do Vaticano e da Basílica de São Pedro tem como resultado imagens fascinantes. Não foi preciso fazer agendamento prévio para esta visita de domingo e uma vez dentro da Basílica conseguimos conhecer boa parte de toda sua estrutura, bem como visitamos os túmulos de vários Papas e também foi possível tomar o tempo suficiente para fotografar o Baldaquino da Basílica moderna de São Pedro, a gigantesca estrutura que pode ser observada na próxima foto: o túmulo de São Pedro fica localizado exatamente abaixo dessa estrutura, construída em bronze dourado, com quase 30 metros de altura.

Detalhes de alguns tumulos de papas no Vaticano
Detalhes de alguns túmulos de papas no Vaticano

Visitar a Basílica de São Pedro está no topo dos desejos de viagem de várias pessoas que conheço. Sinceramente não estava nos meus. Contudo foi um lugar surpreendente. Eu fiz algumas pesquisas antes de viajar, porém não quis adentrar muito a leitura sobre o Vaticano justamente para que esse sentimento de surpresa fosse um pouco aguçado. Quando comecei a caminhar pelos corredores desta que é a construção católica mais importante no planeta percebi que não estava em um lugar qualquer. Cada detalhe, do piso de altíssima qualidade até as pinturas, adornos, estátuas e decorações em geral são MAGNÍFICOS!. E eis que minhas expectativas foram superadas ao partir para a visitação às Grutas do Vaticano, um vasto cemitério subterrâneo com túmulos de dezenas de papas.

É possível visitar os túmulos dos Papas Católicos
É possível visitar os túmulos dos Papas Católicos

E inclusive é possível também visitar o túmulo de São Pedro, além do que o de João Paulo II. Este é um lugar de muito respeito e que solicitam que não sejam feitos registros fotográficos. No Vaticano estão os corpos de vários papas e a relação completa pode ser conferida em uma placa fixada na entrada das Grutas. Quando terminei minha visita já passava das 4 da tarde. O sol deu o ar da graça, os céus foram ficando limpos e quando já havia cruzado toda a Praça de São Pedro, eis que olhei para trás afim de registrar o último clique desta visita ao Vaticano e fui brindado com as imagens a seguir:

Basílica de São Pedro - Vaticano - Itália
Basílica de São Pedro - Vaticano - Itália

No fim o dia acabou sendo muito produtivo e ainda conseguimos desfrutar bem do tempo firme no final do dia. Era quase o fim do meu primeiro dia, que ainda teria um voo noturno pela frente rumo ao continente africano. Eu ainda voltei à Itália 4 semanas depois para voltar ao Brasil. Fiquei por ali mais um dia que me rendeu fotos fantásticas, mas que tal partirmos para um novo continente e deixarmos essa história um pouco mais para adiante!? Na próxima viagem (aliás..., matéria kkk) vou convidá-los a perder um voo e encontrar uma stop over com um destino inesperado pela frente! Preparados?! Boa Viagem!

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias