A saga das havaianas continua...

Quando visitei o duty free de Guarulhos nessa última viagem, um fato me chamou a atenção: qual o motivo de um par de havaianas ser mais caro no duty free do que nas ruas? Eu mal esperava pelo que estava prestes a acontecer...

E ainda falei delas aqui! Quando passei pelo Duty Free em Guarulhos elas me chamaram a atenção, mas eu as subestimei. Nunca imaginei que fosse precisar de um par de sandálias novas logo aqui em Playa del Carmen! E eis que surge o imprevisto, o inusitado, e sou obrigado a que comprar um novo par de havaianas.

Já viram que essas sandálias são ótimas, eficientes, confortáveis, mas têm uma vulnerabilidade: se estragam como na foto acima, então você perdeu! Vai ter que comprar um novo par. E não é muito legal ter que comprar havaianas fora do Brasil, pátria amada desse tipo de calçado e acredito que seja o lugar mais econômico do mundo para adquiri-las (ou não!!).

as velhas havaianas
as velhas havaianas

E ainda confesso que bateu aquele "medinho" de ter que comprar um sandália de couro mexicana para continuar a minha viagem. Mas uma vez eu estava enganado. Sem muito esforço, no começo da quinta avenida de Playa del Carmen encontrei uma loja de esportes que também vendia calçados, e lá estavam elas, exatos 289 pesos ( 20 dólares) ...

as novas havaianas
as novas havaianas

E o que podemos concluir dessa história toda? O preço de uma havaianas em uma loja "livre de impostos" no Brasil é exatamente o preço de uma havaianas no México, em um lugar turístico como Playa del Carmen. Interessante não é mesmo?

 

Sobre o #ArribaTour

Esta foi uma excursão solitária realizada entre 23 de maio e 6 de junho do ano de 2012. Nesta oportunidade visitei as cidades mexicanas de Cancun, Playa del Carmen e Cozumel. Foram firmadas diversas parcerias entre este blog e algumas instituições do segmento hoteleiro do México. Experimentamos, com o objetivo de fazer as revisões dos seguintes hotéis: Quetzal Hostel e Hostal Chac Mool em Cancun, Hotel Lunata em Playa del Carmen e Mi Casa en Cozumel. Aos administradores dessas instituições, ficam nossos mais sinceros agradecimentos, por ter-nos recepcionado gentilmente sempre com o seu melhor! Todos os custos com diárias foram cortesia dos hotéis.

Após explorar o México por 7 dias, embarquei em um voo para os Estados Unidos (Fort Lauderdale), e desde esta cidade, em parceria com a Mobility - locadora de veículos, seguimos com nosso tour em uma incrível viagem de ida e volta até Kissimmee, cidade vizinha a Orlando. Aproveitamos nossa viagem a essa região dos Estados Unidos para conhecer o SeaWorld Parks, que também gentilmente ao conhecer nosso intinerários nos enviou os convites para seus parques sem custos adicinais de entrada.

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias