Mergulhos em Noronha: Cagarras e Ilha do Meio

No segundo dia de mergulhos em Fernando de Noronha, visitei dois pontos realmente impressionantes e desafiadores: Cagarras, com um grupo exclusivo de mergulhadores avançados e a Ilha do Meio. Ah, tudo isso no dia do meu aniversário! O final do mergulho foi particularmente especial com a escolta dos golfinhos até atracarmos no Porto.

Boa parte dos meus amigos insiste em me questionar os motivos da minha paixão por Fernando de Noronha. É bem simples, desde que poucos destinos são como essa pequenina ilha paradisíaca isolada no meio do Oceano Atlântico - excelente gastronomia, passeios espetaculares sem custo adicional, além de ser a residência de algumas das mais belas praias do planeta. Só que não foi só isso que conquistou todo esse amor em meu coração..., pelo contrário, tudo isso ajudou bastante, porém o meu amor por Noronha se transformou em um caso sério quando comecei a mergulhar nessas águas cristalinas.

O mergulho com cilindro é uma das poucas atividades capazes de prôver a sensação de gravidade zero a nós, meros seres humanos. Descarte o pulo de para quedas, o paragliding e tantos outros esportes que lhe proporcionariam sensação de gravidade zero com queda livre: o mergulho com cilindro é capaz de provocar sensações parecidas com o ato de voar como pássaros em nós que ainda não possuímos asas; isso me faz ser tão apaixonado por esse lugar, pela beleza única que encontramos quando vamos para baixo da água!

Nesta matéria eu relato a você algumas das experiências que acumulei em meu segundo dia de mergulhos realizados recentemente (agosto/2015) no arquipélago noronhense. A seguir você pode ver algumas das espécies de peixes que avistei enquanto me deslocava cumprindo a trajetório do ponto de mergulho inicial.

Algumas espécies de peixes vistos nos mergulhos em Noronha
Algumas espécies de peixes vistos nos mergulhos em Noronha

Esta viagem foi realmente planejada de uma maneira surpreendente. Em um breve momento da minha vida questionei a mim mesmo sobre o que gostaria de ganhar de presente de aniversário (sou do mês de agosto!). Bom, eu não sou uma pessoa muito apegada a bens materiais, tampouco sofro para acumular bens ou riquezas pessoais, acredito que a maior herança que posso deixar para minhas futuras gerações está nas próprias experiências que tenha adquirido e compartilhado por aqui. E assim foi que comecei a planejar a minha quarta visita a Noronha. O meu presente de aniversário deste 2015 era voltar a submergir nas águas que banham as praias deste arquipélago e mergulhar em pontos inéditos.

Moréia curiosa com a boca aberta
Moreia curiosa com a boca aberta

Então o que poderia ser mais especial do que mergulhar no lugar mais incrível do planeta no dia do seu aniversário!? Pois bem, melhor do que isso só se o instrutor principal da embarcação dividir os grupos de mergulhadores por experiência e te levar a realizar um dos mais incríveis e desafiadores trajetos que já conseguiu percorrer em uma viagem a Fernando de Noronha. Pois foi exatamente assim que aconteceu. Separaram dois grupos por níveis de experiência. Quem possuia maior número de imersões acabou ficando no grupo mais experiente (todos com mais de 100 mergulhos). Os outros fizeram um trajeto um pouco mais tranquilo, porém o no nosso caso, dependíamos de uma série de habilidades que só podem ser adquiridas com a experiência de vários mergulhos.

Polvo e lagosta escondidos em suas tocas
Polvo e lagosta escondidos em suas tocas no decorrer de nosso mergulho

Foram dois pontos explorados nesta oportunidade: Cagarras e a Ilha do Meio - na primeira imersão era preciso ter máximo controle do nível de consumo de ar para enfim conseguir chegar ao ponto que marca o final do mergulho. Eramos apenas 3 mergulhadores com nosso instrutor e ao final fomos muito bem cumprimentados pois chegamos todos juntos e ainda com uma quantidade razoável de ar no cilindro - foi interessante perceber a felicidade do instrutor que frisou a dificuldade do mergulho e que não era sempre que conseguia chegar ao final por conta de um ou outro mergulhador que acabava ficando com pouco ar no meio do caminho. Enquanto pairávamos sobre corais de fogo seguindo a trajetória estabelecida pelo instrutor, aproveitávamos o tempinho que dava para ficar de butuca nas tocas dos bichos - foi possível ver várias lagostas e alguns polvos no decorrer do mergulho, entretanto a surpresa maior veio no finalzinho, ainda antes de fazer a safety stop acabei encontrando uma gigantesca moreia verde que parecia estar ali para me felicitar pelo aniversário que estava completando.

Moréia verde gigante
Agora sim uma moreia verde gigante

Melhor do que mergulhar em Noronha é sem dúvidas conseguir concluir com sucesso as missões propostas pelos sensacionais instrutores que nos acompanharam. Ainda consegui encontrar um gigantesco tubarão lixa logo após o encontro com a moreia da foto anterior, só não deu para conseguir fazer o registro pois realmente eu estava em ecstasy por conta das maravilhas que já havia encontrado neste dia tão especial para mim. Para fechar com chave de ouro, na hora que estávamos voltando para o Porto, olha só quem fez questão de nos acompanhar até atracarmos...

Fim do mergulho com direito ao espetáculo dos golfinhos
Fim do mergulho com direito ao espetáculo dos golfinhos

A seguir eu compartilho alguns dos melhores momentos deste mergulho com cilindro em formato de vídeo, sem dúvidas esta é a melhor maneira de conseguir trazer um pouco da água salgada dos mares de Noronha para a tela do seu computador.


Cagarras em Noronha - melhores momentos

Serviço

Atlantis Divers Fernando de Noronha
Telefones: (81) 3619-1488 / (81) 3619-1371
Endereço: Vila dos Remédios, em frente a igreja de Nossa Senhora dos Remédios
site: atlantisdivers.com.br | email: info@atlantisdivers.com.br
A Altantis ofereceu dois dias de mergulhos como cortesia ao Boa Viagem para a realização desta e outras matérias.

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias