De volta a Kona para um mergulho livre em sua baía

Kona é uma cidade distinta. Arquitetura com toques vulcânicos, gente amigável, boa comida e uma das baías mais famosas do Havaí. Fiz um mergulho livre com snorkel um dia antes de partir da Big Island e o resultado você pode conferir na matéria de hoje!

Aloha! Venci a rodovia cênica Saddle Road e finalmente, depois de 3 dias explorando os atrativos de Hilo, eu havia novamente chegado na ensolarada Costa Oeste do Havaí, voltando até Kona para aproveitar exatamente mais umas 24 horas antes de partir definitivamente do Havaí de volta ao continente estado-unidense.

Foram um restinho de tarde e uma manhã bastante intensa, onde consegui mergulhar bastante com snorkel obtendo experiências que merecem ser documentadas aqui neste diário de bordo virtual. Kona Bay, ou em belo pt-br, a Baía de Kona é um daqueles lugares que você se aproxima e já fica maluco para tirar a roupa colocar o snorkel e investir algumas horas flutuando por ali. A água é cristal, muitos corais coloridos, alguns cardumes de peixes, enfim este é um dos melhores lugares próximos a Kona, servido tanto para quem quer mergulhar com cilindro quanto pras crianças que ficam brincando nas águas cristalinas e rasas próximos da areia. Não posso também deixar de mencionar que Kona é mundialmente famosa por conta dos torneios de Ironman  que partem para sua parte de natação justamente nessa baía.

Cheguei num bruto domingão e estava rolando uma feirinha de rua bem na rua principal próxima da baía. Foi incrível deixar Hilo e seu tempo nublado para chegar nesse outro lado da ilha, ensolarada, com pessoas amigáveis pelas ruas, música havaiana e comidinhas econômicas!

Feira de domingo na Baía de Kona - Big Island
Feira de domingo na Baía de Kona - Big Island

Munido apenas com minha câmera a prova d'água, snorkel e boardshort, fiz questão de ir interagindo com os locais e dando uma entertida com as possibilidades de compras enquanto caminhava vagarosamente até a baía de Kona para um mergulho livre na Big Island. Quando cheguei na outra ponta, caminhando ao longo de toda a rua que margeia o mar, na qual a feirinha estava acontecendo, cheguei até o melhor lugar para deixar minha camisa, chinelos e enfim me jogar ao mar.

As águas transparentes da Baía de Kona no Havaí
As águas transparentes da Baía de Kona no Havaí

Mar este que por sinal estava bem convidativo naquele final de tarde de domingo. Só queria aproveitar os momentos antes do pôr do sol para me refrescar e tentar explorar um pouco dos corais em busca de vida marinha. Bom, eu não encontrei tantos cardumes ou belos animais, mas foi ótimo para ter uma prévia do que viria pela frente no dia seguinte: um mergulho livre em Capitão Cook, um lugarzinho irado próximo 30 minutos dirigindo desde a Baía de Kona, lugar este que será tema da nossa próxima e última matéria sobre as ilhas do Havaí.

É isso aí pessoal, infelizmente chegamos aos últimos posts sobre essa expedição que foi batizada por #AlohaTour, e que nos fez caminhar e mergulhar nas águas que banham as costas das ilhas de Oahu, Maui e Big Island. Fato é que o fim de todas as coisas leva ao começo de outras melhores! A nossa intenção agora é focar nossos esforços para publicar nossas experiências na Costa Oeste dos EUA e documentar com fidelidade todas as informações obtidas nos parques nacionais que visitamos. Bom, mas enquanto não chega a hora de falar desses lugares incríveis, vamos então mergulhar de cabeça nas águas da Baía de Kona?! Sente só um pouco do visual dos corais que encontrei por lá:

Belos corais e ouriços no fundo do mar de Kona Bay
Belos corais e ouriços no fundo do mar de Kona Bay

Belíssimos não é mesmo?! Poderia ficar horas ali flutuando na superfície acima desses corais, apenas admirando sua beleza e aguardando a hora certa de mergulhar na apnéia para poder registrar a atividade marinha ali por perto deles. De tempos em tempos vários cardumes de peixinhos bem pequenos se aglomeravam nas extremidades dessas estruturas fazendo questão de colorir um pouco mais a beleza no fundo do oceano da Baía de Kona.

Ouriço havaiano na Baía de Kona
Ouriço havaiano na Baía de Kona

Outro detalhe que chamou bastante atenção foi a constante presença desse ouriço-lápis-vermelho, uma espécie de invertebrado predominante nas águas havaianas, que encontrei sempre com bastante frequência tanto nos mergulhos em Maui e também neste breve mergulho livre na Baía de Kona. É praticamente impossível não parar para contemplar por alguns minutos esses belos animais e também tantos outros ouriços tão distintos que existem nas águas dessa baía.

Alguns peixes e a água cristalina da Baía de Kona
Alguns peixes e a água cristalina da Baía de Kona

Para quem gosta de contemplar os peixes coloridos das águas marinhas, a Baía de Kona é um prato cheio que deve ser digerido vagarosamente. Eu sou fã do peixinho amarelo da montagem anterior, também chamado de cirurgião-amarelo, presente sempre em águas ricas de nutrientes e corais, este peixe é originário do Havaí e possui um pequeno ferrão na cauda que utiliza para defesa própria, e essa coloração amarelada é um charme a parte que o destaca de uma forma incrível no meio do azul-esverdeado das águas de Kona Bay.

Algumas horas depois o sol começou a descer, a visibilidade foi diminuindo, a brisinha do mar foi chegando devagar e o céu foi alaranjando. Era hora de voltar para o hostel para assistir ao espetáculo singular diário da natureza, o explêndido pôr do sol na Baía de Kona:

Pôr do sol depois de um belo mergulho livre com snorkel
Pôr do sol depois de um belo mergulho livre com snorkel

Depois desse espetáculo a parte, socializamos de leve com o pessoal do albergue e dormi mais cedo, já depois de de ter consultado na internet qual seria o "melhor lugar para mergulho livre na Big Island". Como resposta obtive no topo da lista a expressãoL: Kealakekua Bay - Captain Cook - esse era nosso destino na manhã seguinte, da forma mais roots possível, fazendo a caminhada que desce da estrada até a baía pela trilha de pedras vulcânicas de 6 kilômetros (ida e volta). Quer saber como foi essa loucura? Bom, continue acompanhando pois esse é o tema do último post sobre as Ilhas do Havaí aqui no blog, que deve ir ao ar ainda essa semana! Até a próxima! Mahalo!

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias