Passagem aérea de Brasília para Nova York por menos de mil reais

Promoção de passagem aérea? É sim, só que já passou, eu aproveitei e estou prestes a embarcar para Nova York por menos de R$ 1.000,00 com o dólar em alta. Aproveitei uma promoção do Life Miles, programa de fidelidade da TACA Airlines, comprei 32.000 milhas por U$ 480,00 e consegui emitir um ticket de BSB para NYC para desfrutar da capital do planeta por uma verdadeira barganha.

É verdade, você não leu errado e tampouco cometi um erro ao digitar o título desse post. E isso também não é mais nenhum alerta de promoção. Pelo contrário. Esse post marca uma nova série de publicações no Blog Boa Viagem. E é com o máximo de prazer que anuncio aos leitores desse recinto virtual - vou viajar para os Estados Unidos novamente. E dessa vez vou um pouco além da Flórida e desembarcarei no famosíssimo JFK International Airport. Sim, estou indo para Nova York no próximo mês de novembro de 2011.

E essa história de passagem pra Nova York partindo de Brasília por menos de mil reais?? É a mais pura verdade! E vou contar para vocês como consegui tal façanha.

Voltei em junho de 2011 da minha viagem de uma semana a Miami com um gostinho de quero mais. Nessa oportunidade, fiquei hospedado em um albergue e fiz amizade com um italiano e um argentino, pessoas essas que mantenho contato via skype até os dias atuais. Certa vez, conversando com este meu amigo argentino chamado Pablo Rachid (de Córdoba) ele me contou que continuou sua viagem nos Estados Unidos e que já havia conhecido a cidade de Washington e Nova York, mas que tinha ficado muito impressionado com essa última, tanto pela profundidade do slogan "city that never sleeps", quanto pela realidade da afirmação cantada por Frank Sinatra em New York, New York, quando ele relata que "it's up to you, New York, New York". Sim, está ali para aqueles que desejarem se aventurar na selva de pedra mais alucinante do planeta. E não é de ver que as coisas foram dando certo e estou devidamente com meus e-tickets na mão (sim, são vários, 3 conexões). E toda essa empolgação do meu amigo argentino me contaminou por osmose via linhas internéticas do skype.

Não é que meu desejo de conhecer Nova York tenha sido tendênciado pelo relato do meu amigo, mas desde o dia que eu comecei a minha empreitada para conseguir tirar o visto pros Estados Unidos, eu já sabia bem dos lugares que queria conhecer nesse país. Em sequência os lugares são: Miami e o Key West, Nova York (Brooklyn, Bronx e Manhattan), California (Los Angeles, San Diego e San Francisco), Nevada (Grand Canyon e Las Vegas) e é claro, o Hawaii e Onolulu. Pois bem, creio que estou até adiantado para minha realidade latino americana - em menos de um ano com visto na mão, já estou partindo para minha segunda aventura nos Estados Unidos, cumprindo com meus desejos desvairados por explorar a realidade do "american way of life", estarei embarcando no próximo dia 15 de novembro para seis dias em NYC.

E você, prezado visitante, deve estar aí se perguntando: "Tá legal, vc vai pra NY, mas e essa tal de passagem por menos de mil reais??". Calma, eu explico! As coisas aconteceram muito rápido e não deu tempo neim sequer de avisar o pessoal que é assíduo por aqui. Pois bem, vamos ao Life Miles.

No último mês de setembro, a cia aérea TACA AIRLINES, juntamente com seu programa de milhagem, o Life Miles, fez uma promoção completamente imperdível para aquelas pessoas que já fossem fichadas no seu programa de fidelidade. E por incrível sorte, eu havia feito meu cadastro na época que visitei o Peru, para voar de Lima para Cusco (fui de TACA), e acabei entrando nessa promoção. E as regras eram muito simples. Durante o mês de setembro de 2011, o Life Miles disponibilizou a promoção na qual quem comprasse milhas aéreas para voar até 2012 ganharia a quantidade de comprada em dobro. Isso mesmo. Compra mil e leva duas mil milhas. E o custo de cada pacote de mil milhas? Meros U$ 30,00 + impostos (aplicáveis apenas para cidadãos da América Central). Nessa altura do campeonato eu até achei a promoção legal, mais eu precisava ter certeza que valia a pena comprar as milhas para viajar para algum lugar ainda não visitado. E qual era meu foco: Estados Unidos - a dúvida era: ou iria pra Califórnia ou pra Nova York, bastava ter a certeza de quantas milhas seriam suficientes para fazer a viagem. Não deu outra. Precisava de 31.000 milhas para viajar desde Brasília para NYC ou Los Angeles. E qual foi a cidade escolhida?? É claro que foi Nova York.

Certo do necessário para conseguir as milhas, comecei a fazer meus cálculos: Precisava comprar 16.000 milhas aéreas no Life Miles para conseguir, com o dobro de milhas (bônus) 32.000 milhas. Era mais do que o suficiente para fazer a viagem. E quanto dava isso? Bem simples: a cada 1.000 eu pagava U$ 30,00. Sendo assim, 16.000 era igual a 16 vezes 30 dólares, ou seja: U$ 480,00 pela ida e volta a Nova York sem taxas. Espera aí, mesmo com a alta recente do dólar (a cotação do cartão veio em 1,88) eu teria uma passagem pros EUA por menos de mil reais. Só para referência, na minha recente viagem a Miami, paguei R$ 1.250,00 + taxas na Copa Airlines. Eu já estaria pagando mais barato para uma viagem mais longa com a TACA. E assim me rendi e fui ás compras. Comprei as 16.000 milhas que viraram 32.000 e mais do que instantâneamente eu me coloquei na empreitada de emitir o ticket para o quanto antes! Buscando por boas datas ainda nesse ano de 2011, encontrei milhagem reduzida para a emissão da passagem partindo dia 15 de novembro de BSB, regressando dia 21 do mesmo mês. Boa escolha, curto período de tempo e minha primeira viagem a Nova York fora garantida. Sobre as taxas? Não sei o que a TACA aprontou. Só sei que paguei mais U$ 54,00 de taxas aeroportuárias. Incrível não é mesmo?! Pois é, em um mix de sorte com ótimas oportunidades voltarei aos Estados Unidos no próximo mês! Sozinho e feliz da vida: vou conhecer "the concrete jungle where dreams are made of", segundo cita a própria Alicia Keys.

Vale lembrar que consegui a emissão na classe econômica de um voo que faz três conexões na ida e três na volta. De Brasília, o voo faz a primeira escala em Lima no Peru. De lá parte rumo a San Salvador - a capital de El Salvador, casa da TACA (assim como o Panamá é a casa da COPA Airlines) e de lá desembarco ás 21:00 no JFK em NYC.

Confirmadíssimo - Nova York no mês de novembro de 2011
Confirmadíssimo - Nova York no mês de novembro de 2011

Valeu a pena não é mesmo?? Partir de Brasília (apenas 200km de onde moro) e poder desfrutar 5 dias completos na capital do planeta por menos de mil reais na passagem aérea não é uma barganha fácil de se encontrar todos os dias nas cias aéreas. Agora o problema tem sido construir um roteiro funcional, dinâmico que me faça conhecer os principais lugares que sempre desejei visitar nessa cidade. Outra dificuldade está sendo conseguir uma hospedagem em conta. Todos que conhecem o blog sabem bem que não sou adepto a pagar valores muito exorbitantes para diárias em hotéis (falando sério, eu não sou lá muito fã de hotéis). Nova York definitivamente está indo contra essa minha premissa. Quanto mais busco, mais vejo que não conseguirei encontrar nada barato. Ao menos em Manhattan. Mas eu também já tenho uma ótima estratégia para reduzir ao máximo meus custos com hospedagem. Mas isso é assunto para o próximo post! Acompanhem: em breve muito mais sobre Nova York, só aqui no Blog Boa Viagem.

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias