Arequipa, a cidade branca do Peru em três matérias - parte 1 de 3

Conheça o melhor de Arequipa, a segunda cidade mais importante do Peru, em uma série de artigos exclusivamente construída para vocês, leitores do Blog Boa Viagem.

Uma das cidades mais impressionantes e maravilhosas no Peru, merecia muito mais do que o singelo artigo que publiquei enquanto ainda perambulava por aquelas bandas. Naquela oportunidade, tentei relatar em breves parágrafos, um pouco de tudo aquilo que experimentei nos quatro dias em que estive em Arequipa e em seus arredores.

Cheguei em uma tarde de segunda-feira com muito calor. Claro que era um calor ameno, mas já era calor para quem estava visitando a cidade de Puno. A viagem durou seis horas e tanto relevo quanto vegetação e clima iam se tranformando durante a viagem. O clima seco e árido da região demarcam o caminho trilhado por aqueles que partem de Puno com destino a Arequipa. Para conseguir transparecer a todos vocês a plena realidade daquela cidade, eu tenho que falar também sobre o Canyon mais profundo do planeta, que fica na região de Arequipa - o Canyon del Colca, mas esse é assunto para uma outra série de matérias que estamos preparando para complementar a história de Arequipa na minha viagem solitária ao Peru. Imagine visitar uma cidade que você não acredita que será o ápice da sua viagem, e que ao chegar lá, você acaba descobrindo que a cereja do bolo foi ótima (neste caso Machu Picchu), mas que todas as camadas, coberturas e guloseimas que recheiam o bolo podem ser bem mais apetitosas do que a tão almejada cereja.

O Canyon del Colca está para Arequipa assim como Machu Picchu está para Cusco. Raros são os turistas que se arriscam a visitar a Ciudad Blanca e não estendem a estadia por mais alguns dias para conhecer também o Canyon. Colca é o canyon mais profundo do planeta, e só perde em extensão para o Grand Canyon nos Estados Unidos. Definitivamente você não deve arriscar a visita até Arequipa ignorando o Canyon. Se Arequipa é o bolo, Colca é a cereja. Mas isso é assunto para futuras publicações do Blog Boa Viagem. Foquemos no nosso objetivo - Arequipa, a cidade branca no Peru.

E logo de cara é fácil entender porque Arequipa é a segunda cidade em importância no país. Logo ao caminhar pelas ruas principais da cidade você se sentirá imerso na grandiosidade envolta nos ares arequipenhos. A praça de armas de Arequipa é uma das mais lindas de todo o Peru.

Uma das plazas de armas mais lindas do Peru
Uma das plazas de armas mais lindas do Peru

Além de abrigar uma série de edifícios históricos, é na praça de armas de Arequipa que está uma das mais famosas catedrais peruanas - a Catedral Basílica. Este é um dos mais importantes edifícios católicos de todo o estado de Arequipa, e sim, Arequipa é um estado peruano e sua capital é a cidade de Arequipa, assim como Cusco, Puno, Ica e vários outros. Esta catedral é considerada um dos primeiros monumentos religiosos do século XVII na cidade e bem como uma das mais famosas catedrais coloniais construída durante a colonização espanhola.

A grande catedral branca de Arequipa
Edifições e construções com a pedra branca de Arequipa

A pedra utilizada para a construção de sua Basílica ajudou a reforçar a presença da cor branca no centro dessa cidade. A pedra vulcânica chamada silhar, é tão abundante na região que praticamente todos os grandes edifícios de Arequipa utilizam essa matéria prima até hoje em suas bases e fachadas.

Arequipa, construções brancas!
Arequipa, construções brancas!

Praticamente todo o Centro Histórico de Arequipa foi construido com o "sillar", o que rotulou a cidade em uma referência á cor dessa pedra. A combinação perfeita da arquitetura colonial espanhola, associada ao trabalho árduo do povo nativo que construiu essa cidade resultou na combinação perfeita de todas essas influências que podem ser facilmente observadas nos arcos, muralhas e abóbadas da cidade, pátios e espaços abertos e podemos concluir sem sombra alguma de dúvidas que essa pedra remodelou o visual moderno de Arequipa.

Arcos da Plaza de Armas de Arequipa
Arcos da Plaza de Armas de Arequipa

A praça de armas da cidade é o ponto de encontro de locais e turistas. Com um por-do-sol capaz de transformar as cores de todo o Centro Histórico, grandes contingentes populacionais se aglomeram todos os dias por ali para desfrutar da estupenda visão geral da arquitetura arequipenha.

Principal ponto turístico de Arequipa
Principal ponto turístico de Arequipa

É normal encontrar vários fotógrafos, crianças correndo por todos os lados, pombinhos aos milhares petiscando guloseimas atiradas pelo chão em todos os lugares que a visão possa alcançar. Arequipa é fantástica. E muito além disso, Arequipa é deliciosa, com uma culinária sem igual, é totalmente econômica, tanto nos passeios quanto nos quartos de hotéis e albergues e é uma indicação minha para você que procura uma cidade pacata para descansar, mais carregada de cultura, história e aventura.

Plaza de Armas de Arequipa
Plaza de Armas de Arequipa

Visitar Arequipa com a luz do dia é uma experiência fundamental para complementar o aprendizado da realidade peruana para quem está ali de passagem. Mas se você quer se sentir totalmente submerso nessa realidade, você deve investir um pouco mais de seu tempo para visitar cada cantinho da cidade, caminhando durante a noite. A iluminação dos grandes monumentos contrastada com a cor branca das pedras é fenomenal e tópico principal da parte dois dessa série de matérias sobre a cidade branca peruana.

Por ser uma das principais metrópoles do Peru, imagine o caos que reina nas ruas de Arequipa por conta do trânsito! Carros de passeio, caminhões e tuc-tucs misturados a milhares de taxis entopem as ruas da cidade. Alguns anos atrás os governantes peruanos decidiram fazer algumas modificações no ritmo dessa frenética metrópole justamente buscando suportar essa crescente onda de populismo no trânsito arequipenho. Foi quando decidiram fechar uma das principais ruas da cidade para o tráfego de veículos, priorizando assim a acessbilidade das pessoas por uma rua do comércio.

Remodelação do trânsito de Arequipa
Remodelação do trânsito de Arequipa

A cidade é bem movimentada, tem varios shoppings centers, clubes esportivos e de lazer, muitos bares e restaurantes. Sem essa remodelação Arequipa estaria fadada ao fracasso comercial. As ruas eram entupidas pelo tráfego de veículos e isso fazia com que os pedestres não tivessem seu lugar para caminhar com tranquilidade e desfrutar das oportunidades oferecidas por uma das cidades com o comércio mais caliente de todo o país.

Melhorias significantes no trânsito de Arequipa
Melhorias significantes no trânsito de Arequipa

Existem tantos lugares imprescindíveis a se visitar que vejo todas as minhas publicações como totalmente obsoletas! São tantos pontos turísticos, tanta informação a ser processada por aqueles que visitam que vai ser normal você não conseguir conhecer tudo de uma vez só. Nessa viagem eu visitei os principais lugares da cidade em um City Tour e complementei a experiência com o passeio de dois dias ao Canyon, dormindo uma noite na impressionante Chivay, a pequena capital de todos os vilarejos que existem em Colca.

Vale lembrar que Arequipa está rodeada por três vulcões que serão muito bem explorados nas próximas matérias e principalmente na série de publicações sobre o Canyon del Colca. O mais próximo é o gigante Misty (5.821m), um vulcão que se encontra adormecido e que domina por completo a paisagem da cidade, com o seu cume coberto de neve (um tanto quanto escassa nesse dias de aquecimento global). Ao lado desta montanha, encontra-se outro vulcão chamado Chachani (6.075 m) e o Pichu-Pichu (5.425m). Vale lembrar também que é aqui em Arequipa que está o coração da indústria têxtil de lã de Alpaca no Peru.

Lugares incríveis na cidade branca
Lugares incríveis na cidade branca

Morros, montes e montanhas; a noite iluminada de Arequipa; uma fábrica de lã de Alpaca e muito mais ainda vem por aí nessa série de matérias sobre a cidade branca do Peru. Interessou? Quer conhecer um pouco mais sobre essa empolgante cidade? Pois então não deixe de acompanhar as atualizações do Blog Boa Viagem! Ah, já visitou Arequipa? Tem dicas exclusivas sobre a cidade? Não hesite e comece já a compartilhar tudo que você sabe com a gente deixando sua mensagem na nossa caixa de comentários.

Luiz Jr. Fernandes
Autor

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja nossas últimas matérias
Clique para ver mais matérias